21 de Janeiro de 2018
Inicial | Destaques | Polidor para quadros FinishLine Showroom

Polidor para quadros FinishLine Showroom

Manter o quadro de bicicleta limpo e bem conservado não é apenas uma questão de estética. Gastar alguns minutos por mês aplicando polidores específicos para bikes não apenas aumentará a vida útil da pintura do quadro, como também evitará que resíduos corrosivos como óleo e lama asfáltica possam corroê-la. Isto sem falar que é muito mais fácil realizar uma inspeção de rotina em busca de falhas e rachaduras em um quadro limpo.

Com 28 anos de experiência no desenvolvimento de lubrificantes e produtos para conservação de bicicletas, a marca norte-americana FinishLine disponibiliza no Brasil um de seus produtos mais interessantes, o Showroom, um polidor a base de cera de carnaúba e Teflon que promete não apenas recuperar o brilho perdido da pintura do quadro e de componentes da bike, mas também adicionar uma camada protetora repelente à raios UV, à água e à poeira.

FinishLine Showroom

Disponibilizado no Brasil em aerosol de 325ml e em galões de 945ml, o Showroom possui em sua formulação agentes polidores a base de cera de carnaúba, além de um aditivo de Politetrafluoretileno (o popular Teflon) que, de acordo com o fabricante, adiciona uma camada protetora que torna o quadro mais resistente a ação degradante de sujeira, umidade, suor e intempéries.

Aplicação – Em nosso teste, utilizamos a versão em lata de aerosol, mais prática de ser utilizada para o ciclista comum que o pesado galão de um litro, mas propício para utilização em oficinas mecânicas.

FinishLine Showroom

Embora a FinishLine ressalte que o Showroom pode ser utilizado sem pré-lavagem, achei mais prudente evitar riscar a pintura da bicicleta devido a algum grão de areia ou pedrisco misturado com o produto. Assim, como a bike estava apenas empoeirada, utilizei ar comprimido para remover o excesso de sujeira.

A aplicação é bem simples. Basta agitar a lata e aplicar o produto diretamente sobre a pintura. Para evitar a contaminação dos rotores e pastilhas de freio, evite a aplicação diretamente sobre o garfo dianteiro e os stays do quadro. Neste caso, o melhor é derramar o produto em uma esponja macia e só então aplicar no quadro.

Apenas alguns segundos após a aplicação, vem a etapa de polimento. Para isto, basta usar um pano macio que não solte fiapos, como por exemplo, uma camiseta velha. No meu caso, utilizei a toalha descartável Scott Duramax, que utiliza em sua composição um tecido macio que não solta resíduos e pode ser reutilizado.

Ao contrário de ceras automotivas, o FinishLine Showroom não deixa resíduos esbranquiçados de difícil remoção nos cantos e arestas e pode ser utilizado em peças metálicas, plásticos e carbono. Inclusive o selim da minha bicicleta ficou como novo após uma aplicação em sua superfície.

Resultado – Imediatamente após o polimento, a diferença entre o antes e depois torna-se evidente. O quadro adquire praticamente a aparência de novo.

Percebe-se também que a tal camada protetora realmente funciona, já que após sua aplicação a sujeira passou a acumular menos no quadro. Um amigo meu, definiu bem o resultado após aplicar em sua bicicleta de triathlon: “Cara, a bike virou um quiabo de tão lisa!”.

Na minha bicicleta, onde a cor predominante é o branco, percebi que pequenos arranhões e manchas de terra que de alguma maneira penetraram no verniz da pintura não foram totalmente removidos, mesmo após uma segunda aplicação e com um polimento mais ‘enérgico’. É bom lembrar que, por não possuir produtos abrasivos em sua composição, o Showroom evidentemente não tem a mesma eficácia de polidores automotivos.

Durabilidade – De acordo com a FinishLine, sua fórmula degrada-se 60% após 28 dias de exposição ao meio ambiente, o que significa que sua reaplicação deve ser realizada pelo menos uma vez por mês. Caso queira obter um índice de proteção máxima, o ideal é aplicar o produto uma vez por semana, com especial atenção no tubo superior do quadro, onde o suor do ciclista pode causar manchas e até mesmo corroer a pintura.

anter o quadro de bicicleta limpo e bem conservado não é apenas uma questão de estética. Gastar alguns minutos por mês aplicando polidores específicos para bikes não apenas aumentará a vida útil da pintura do quadro, como também evitará que resíduos corrosivos como óleo e lama asfáltica possam corroê-la. Isto…

Polidor FinishLine Showroom

Facilidade de uso
Polimento e brilho
Remoção de manchas e pequenos arranhões
Custo x benefício

Muito Bom

Produto fácil de aplicar e que se utilizado frequentemente, mantém o brilho original do quadro por muito tempo

User Rating: 3.9 ( 1 votes)

Pontos positivos

  • Fácil de aplicar;
  • Camada protetora dificulta a aderência de sujeira;
  • Pode ser utilizado para a conservação do selim da bicicleta;
  • Resultado durável.

Pontos negativos

  • Versão em aerosol pode contaminar as pastilhas de freio.

Conclusão – Embora não tenha a mesma eficiência que seu concorrente Muc-Off Miracle Shine na remoção de pequenos arranhões, o FinishLine Showroom é mais fácil de aplicar e sua aplicação possui uma maior durabilidade.

Minha única ressalva vai para seu spray aplicador, que pode contaminar fácil e irremediavelmente os freios da bike. Uma versão em garrafa plástica sem o spray não apenas seria mais segura como também diminuiria seu custo final.

Comercializado por uma média de 80 reais (lata de 325ml) e 230 reais (galão de 945ml), o Showroom não é necessariamente uma pechincha, mas para todos aqueles que tem carinho pro suas bicicletas, trata-se de um item praticamente obrigatório.

Sobre o autor

André Ramos é editor do website MTB Brasília
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização