16 de junho de 2024
Shimano GRX RX825 Di2
Shimano GRX RX825 Di2

Shimano lança versão eletrônica da transmissão GRX para gravel

Novo grupo de transmissão eletrônicos GRX Di2 de 2 x 12 velocidades…

De olho no crescente mercado das versáteis gravel bikes, a Shimano anunciou hoje o lançamento da versão eletrônica de seu grupo de transmissão GRX, voltado para bicicletas desta categoria.

Shimano GRX RX825 Di2
Shimano GRX RX825 Di2

Municiado com uma grande opção de combinações de transmissão voltadas para um simples passeio a aventuras de bike packing e pedaladas de alto rendimento, o novo grupo GRX RX825 Di2 de 2 x 12 velocidades inclui alavancas de duplo controle aperfeiçoadas para maior controle e conforto, um câmbio traseiro equipado com a tecnologia Shadow RD+ para uma melhor retenção da corrente e um câmbio dianteiro otimizado para mudanças precisas.

O novo grupo prioriza sua compatibilidade com os atuais componentes da linha GRX, o que possibilita ao ciclista realizar um upgrade em sua bike sem grandes complicações, bastando realizar a troca dos câmbios e trocadores de marcha, mantendo a relação de transmissão atual.

Shimano GRX RX825 Di2

Ao combinar as novas alavancas de mudanças GRX RX825 Di2, os trocadores satélites disponíveis, o câmbio dianteiro e o câmbio traseiro com o pedivela, cassete e freios RX820 existentes, os ciclistas poderão desfrutar do desempenho e da confiabilidade das mudanças Di2 da Shimano com mudanças de 2 x 12 velocidades para Gravel.

Tal como nos componentes mecânicos da linha RX820, os ciclistas podem adaptar as suas mudanças com as coroas de 48/31 dentes ou optar por utilizar o pedivela RX610 e as suas coroas de 46/30 dentes. Da mesma forma, pode-se escolher entre um cassete 11-36D ou 11-34D para uma ampla gama de mudanças com menor diferença entre cada velocidade do cassete para que possam rodar a uma cadência confortável.

Bateria central – Tal como nas transmissões eletrônicas das linhas Dura-Ace, Ultegra e 105 Di2 de 12 velocidades, o novo sistema GRX Di2 é ligado por cabos, apresentando uma bateria central com várias portas que fornece energia estável e duradoura aos câmbios dianteiro e traseiro. Os fios de menor diâmetro ligam-se diretamente da bateria a cada câmbio, eliminando a necessidade de junções e simplificando o processo de montagem. A bateria interna central também simplifica o carregamento e mantém-se segura nas estradas mais acidentadas, nas trilhas ou em qualquer caminho menos percorrido que o ciclista possa escolher.

Cockpit sem fio – O novo GRX Di2 de 12 velocidades da Shimano apresenta um perfil de cockpit sem fios específico para Gravel, onde os manetes possuem um desenho com a parte dianteira elevada e de superfície nervurada antiderrapante, que proporcionam a máxima segurança para as mãos, independentemente do grau de dificuldade da pedalada. Esta posição segura das mãos é similar aos manetes do grupo GRX RX815 Di2, com a localização do terceiro botão Di2 embutido na borracha do manete.

Quer seja utilizado como outro local de mudança de velocidades ou para mudar telas de um ciclocomputador, este terceiro botão é outra forma de experimentar plenamente o sistema eletrônico Di2 da Shimano.

Shimano GRX RX825 Di2

Botões de mudanças satélites – O novo sistema Di2 possibilita a utilização de botões de mudanças satélites, outra vantagem crucial das transmissões eletrônicas. Ao ligar um dos interruptores satélites da Shimano, seja no topo do guidão ou nos clipes de guidão, os ciclistas podem manter o seu esforço de forma mais consistente sem a necessidade de mover as mãos. Tal como o terceiro botão nas alavancas de controle duplo GRX Di2, estes interruptores satélite podem ser atribuídos a várias funções, incluindo a troca de marchas, controlar sistemas de iluminação ou ciclocomputadores compatíveis.

Alavanca de troca de marchas ST-RX825

Alavanca de troca de marchas ST-RX825
Alavanca de troca de marchas ST-RX825
  • Conectividade Di2 sem fios
  • Alavanca Dual-Control de 2 x 12 velocidades – Ergonomia do manete de freio específica para Gravel
  • Nova otimização para guidões com a parte inferior alargada
  • Revestimento antiderrapante na superfície do manete de freio
  • Três botões Di2 por manete para personalização do aplicativo e-Tube Project Cyclist
  • Células de bateria tipo moeda substituíveis (2 x CR1632) com vida útil prevista de 3,5 a 4 anos
  • Peso: 415 gramas / par

Câmbio traseiro RX825 RD+

Câmbio traseiro RX825 RD+
Câmbio traseiro RX825 RD+
  • Tecnologia Estabilizadora de corrente Shimano Shadow RD+
  • Conectividade D-Fly e carregamento integradas
  • 12 velocidades
  • Compatível com cassetes de 11-34 e 11-36 dentes
  • Peso: 310 gramas

Câmbio dianteiro FD-RX825

Câmbio dianteiro FD-RX825
Câmbio dianteiro FD-RX825
  • Linha da corrente +2,5mm vs. FD de estrada convencional
  • Maior espaço para os pneus
  • 2 x 12 velocidades
  • Peso: 142 gramas

Rodas de carbono WH-RX880

As novas rodas para Gravel WH-RX880 contam com uma largura interna de 25 milímetros e um freehub Direct Engagement atualizado, proporcionando uma ligação vital entre o ciclista e a estrada, por mais remota ou acidentada que seja.

Personalização via aplicativo – Através do aplicativo e-Tube Project Cyclist da Shimano, os ciclistas podem escolher entre diferentes modos de mudança de velocidades para multi-shift, personalizar a atribuição dos botões de mudança (quais botões desempenham ‘quais’ funções), programar diferentes modos de mudança automática como mudanças sincronizadas e semi-sincronizadas, e regular as mudanças.

O lançamento do grupo RX825 também coincide com a estreia da nova funcionalidade Front Shift Next da Shimano. Com esta atualização de firmware, é possível a partir de agora, utilizar o aplicativo e-Tube Project Cyclist da Shimano, de fácil utilização, para programar qualquer botão Di2 de 12 velocidades para mudar o câmbio dianteiro para a coroa que não estiver em uso no momento e depois alternar novamente entre as coroas utilizando o mesmo botão. Este novo firmware é compatível não só com o GRX RX825, mas também com a família de grupos Di2 de 12 velocidades de estrada da Shimano. O resultado é uma mudança de velocidades mais simples e intuitiva para os ciclistas menos experientes e uma tomada de decisão mais rápida para os ciclistas veteranos no calor da competição.

Além de simplificar drasticamente o processo de mudança de velocidades, o Shimano Front Shift Next também pode liberar outros botões Di2 para realizar tarefas como passar telas num computador de ciclismo emparelhado, ligar e desligar luzes compatíveis ou apertar o botão ‘volta’ no seu computador de ciclismo, para que possa manter as suas mãos firmemente no lugar, mesmo durante os seus esforços mais difíceis.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização