15 de junho de 2024
Ataque final de Dani Moreno na edição 2013 da Flèche Wallone

Ciclismo de estrada: 78ª edição da Flèche Wallonne estreia hoje

Ataque final de Dani Moreno na edição 2013 da Flèche Wallone
Ataque final de Dani Moreno na edição 2013 da Flèche Wallone

Situada entre a Amstel Gold Race e a Liege-Bastogne-Liege, a Flèche Wallonne, a mais curta e menos glamourosa clássica das provas realizadas na região das Ardennes, terá início hoje (23/04).

A corrida, que este ano chega à 78ª edição, possui um percurso total de 199 quilômetros, com 11 subidas categorizadas, tendo em seu clímax, a famigerada subida ao Mur de Huy que, via de regra, tem sido o local decisivo da prova.

A subida é escalada pelos competidores três vezes no total: a primeira, quando o pelotão alcança Mur pela primeira vez, a segunda, a 25 quilômetros da chegada e, finalmente, a chegada em si, que se transforma em uma espécie de sprint em câmera lenta, devido ao alto nível de inclinação da subida, com 9,3% de inclinação média e máxima de 26% em apenas 1.300 metros!

Pelas características da prova, via de regra os ciclistas mais leves prevalecem sobre os mais fortes. Na Flèche Wallonne, experiência e timing são essenciais e mesmo ciclistas experientes como Cadel Evans em 2008 e Alberto Contador em 2010 cometeram o erro de tentar decidir a prova antes do tempo.

No ano passado, o campeão foi o espanhol Dani Moreno, da equipe Katusha:

La Flèche Wallonne 2014

Data: 23 de abril
Rank: UCI WorldTour
Local de Largada: Bastogne
Local da chegada: Mur de Huy
Distância total: 199km

Subidas

  • 84km, Côte de Bellaire (1.0km com 6.8%)
  • 101km, Côte d’Ahin (2.5km com 6%)
  • 111.5km, Mur de Huy (1.3km com 9.3%)
  • 124.5km, Côte d’Ereffe (2.1km com 5.9%)
  • 143.5km, Côte de Bellaire (1.0km com 6.8%)
  • 151km, Côte de Bohisseau (1.3km com 7.6%)
  • 154km, Côte de Bousalle (1.7km com 4.9%)
  • 165km, Côte d’Ahin (2.5km com 6%)
  • 175.5km, Mur de Huy (1.3km com 9.3%)
  • 188.5km, Côte d’Ereffe (2.1km com 5.9%)
  • 199km, Mur de Huy (1.3km com 9.3%)

Equipes

  • Ag2r-La Mondiale
  • Astana
  • Belkin
  • BMC Racing Team
  • Cannondale
  • Cofidis
  • Colombia
  • Europcar
  • FDJ
  • Garmin
  • Giant-Shimano
  • IAM Cycling
  • Katusha
  • Lampre-Merida
  • Lotto-Belisol
  • Movistar
  • MTN Qhubeka
  • Omega Pharma-QuickStep
  • Orica-GreenEdge
  • Sky
  • Tinkoff-Saxo
  • Trek Factory Racing
  • Topsport Vlaanderen-Baloise
  • United Health Care
  • Wanty-Groupe Gobert

Lista de vencedores por edição

  • 2013 Daniel Moreno (Espanha) Katusha
  • 2012 Joaquim Rodriguez (Espanha) Katusha
  • 2011 Philippe Gilbert (Bélgica) Omega Pharma-Lotto
  • 2010 Cadel Evans (Austrália) BMC Racing
  • 2009 Davide Rebellin (Itália) Serramenti-PVC Diquigiovanni
  • 2008 Kim Kirchen (Luxemburgo) High Road
  • 2007 Davide Rebellin (Itália) Gerolsteiner
  • 2006 Alejandro Valverde (Espanha) Caisse d’Epargne
  • 2005 Danilo Di Luca (Itália) Liquigas
  • 2004 Davide Rebellin (Itália) Gerolsteiner
  • 2003 Igor Astarloa (Espanha) Saeco

Os top 10 de 2013

  1. Daniel Moreno (Espanha) Katusha
  2. Sergio Henao (Colômbia) Sky
  3. Carlos Betancur (Colômbia) Ag2r-La Mondiale
  4. Daniel Martin (Irlanda) Garmin-Sharp
  5. Michal Kwiatkowski (Polônia) Omega Pharma-Quick Step
  6. Joaquim Rodriguez (Espanha) Katusha
  7. Alejandro Valverde (Espanha) Movistar
  8. Igor Anton (Espanha) Euskaltel-Euskadi
  9. Bauke Mollema (Holanda) Blanco
  10. Rinaldo Nocentini (França) Ag2r-La Mondiale
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização