18 de julho de 2024
Linha de produção da Caloi, no Polo Industrial de Manaus - Foto: Divulgação / Abraciclo
Linha de produção da Caloi, no Polo Industrial de Manaus - Foto: Divulgação / Abraciclo

Produção de bicicletas no Brasil atinge 174 mil unidades no 1° quadrimestre do ano

Volume registra uma retração de 24,4% na comparação com o mesmo período do ano passado

Levantamento realizado pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo mostra que 174.365 bicicletas foram produzidas no primeiro quadrimestre. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a indústria registrou retração de 24,4% (230.689 unidades).

Montagem de bicicleta de estrada Cannondale na fábrica da Caloi, em Manaus – Foto: André Ramos / MTB Brasília

Ainda de acordo com a associação, em abril, 39.377 unidades saíram das linhas de montagem das fabricantes instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM). O volume é 17,4% menor ao registrado no mesmo mês do ano passado (47.670 bicicletas) e 30,3% inferior na comparação com março (56.492 unidades).

Produção de bicicletas no PIM

Abril 2022 Abril 2023 %
Unidades 47.670 39.377 -17,4%

Fonte: Associadas Abraciclo

Produção por categoria – Nos quatro primeiros meses do ano, a categoria mais produzida no Polo de Manaus foi a Mountain Bike (MTB). No total, foram fabricadas 107.754 unidades, o que corresponde a 61,8% do volume de produção.

Na sequência do ranking, vieram a Urbana/Lazer (43.969 bicicletas e 25,2% do total produzido) e a Infantojuvenil (14.048 unidades e 8,1%).

No levantamento mensal de abril, as três categorias mantiveram suas posições: MTB (23.249 bicicletas e 59% do total fabricado), Urbana/Lazer (11.637 unidades e 29,6%) e Infantojuvenil (3.232 bicicletas e 8,2%).

Confira como ficou a produção registrada em abril e os comparativos com o mês e ano anteriores:

Produção de bicicletas no PIM

Abril/22 Março/23 Abril/23
Categoria A % B % C % C/A C/B
MTB 35.765 75,0% 38.195 67,6% 23.249 59,0% -35,0% -39,1%
Urbana/Lazer 10.202 21,4% 12.165 21,5% 11.637 29,6% 14,1% -4,3%
Elétrica 513 1,1% 1.074 1,9% 415 1,1% -19,1% -61,4%
Estrada 512 1,1% 1.097 1,9% 844 2,1% 64,8% -23,1%
Infanto-juvenil 678 1,4% 3.961 7,0% 3.232 8,2% 376,7% -18,4%
Total 47.670 100,0% 56.492 100,0% 39.377 100,0% -17,4% -30,3%

Fonte: Associadas Abraciclo

Distribuição por região – De janeiro a abril, 109.327 bicicletas foram enviadas para os estados da região Sudeste. Esse total corresponde a 62,7% do volume fabricado no PIM. A região Sul recebeu 25.038 unidades, o que representa 14,4% da produção, e ficou em segundo lugar no ranking. Na sequência, ficaram as regiões Nordeste (17.185 bicicletas e 9,9% do total fabricado), Centro-Oeste (12.593 unidades e 7,2%) e Norte (10.222 bicicletas e 5,9%).

As posições foram mantidas no ranking mensal: Sudeste (25.796 bicicletas e 65,5% da produção), Sul (4.749 unidades e 12,1%), Nordeste (3.074 bicicletas 7,8%), Centro-Oeste (3.019 unidades e 7,7%) e Norte (2.739 bicicletas e 7,0%).

Exportações – No acumulado do ano, os negócios com o mercado externo recuaram 27,3%. De janeiro a abril, foram exportadas 3.946 bicicletas. No primeiro quadrimestre de 2022, os embarques totalizaram 5.427 unidades.

De acordo com levantamento do portal Comex Stat, que apura os embarques totais de cada mês, analisados pela Abraciclo, os países membros ou associados do Mercosul foram os principais destinos: Bolívia (1.318 bicicletas e 33,4% das exportações) e Uruguai (794 unidades e 20,1%).

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização