19 de junho de 2024
Pinarello Dogma XC
Pinarello Dogma XC

Pinarello retorna ao Mountain Bike com sua nova Dogma XC

Pilotada por Tom Pidcock e Pauline Ferrand-Prévot, nova full suspension será o equipamento oficial da equipe de MTB Ineos Grenadiers Team

Um dos mais icônicos símbolos do ciclismo italiano, a Pinarello ensaia seu retorno ao mundo do Mountain Bike através de seu mais novo lançamento, a Dogma XC, uma bicicleta full suspension de última geração, que será o equipamento oficial da equipe de MTB Ineos Grenadiers Team nas provas desta temporada.

A estreia do novo modelo será neste fim de semana, por ocasião da realização da etapa de abertura da Copa do Mundo UCI de Mountain Bike, que será realizada em Nové Město, na República Tcheca. Na ocasião, Pauline Ferrand-Prévot e Tom Pidcock irão testar sob as mais árduas condições um projeto que teve início em 2022 e que incorpora uma série de novidades.

Pinarello Dogma XC

Uma equipe dedicada de pesquisas, desenvolvimento e cinemática foi responsável pro analisar o feedback de Pidcock desde os primeiros protótipos, adaptando-os às suas necessidades específicas. O estudo destacou a necessidade de que produzir uma bike capaz de competir no mais alto nível de desempenho sem abrir mão da versatilidade.

Entre os principais requerimentos do projeto destacam-se:

  • Máxima rigidez estrutural do triângulo traseiro e região do movimento central;
  • Cinemática simples e progressiva da suspensão, para otimizar seu curso e retorno;
  • Habilidade para ajustar a suspensão para adaptar-se às diversas características de cada tipo de percurso;
  • Leveza aliada a capacidade de transposição de obstáculos.

As soluções encontradas foram:

Design exclusivo da caixa do movimento central – Um reforço estrutural na região do movimento central otimiza a rigidez da região, além de proporcionar espaço para rolamentos sobre dimensionados, resultando em uma bicicleta com resposta mais rápida à pedalada.

Pinarello Dogma XC

Tirantes flexíveis em carbono – A geometria da nova Dogma XC faz uso das características de flexibilidade da trama de carbono dos seus tirantes traseiros (stays) para proporcionar curso de amortecimento sem adicionar peso. Com o uso desse recurso, foi possível reduzir o número de pivôs da balança traseira em apenas três, o que resultou em menor peso, maior rigidez estrutural e melhor conexão entre o ciclista e a bike.

Pinarello Dogma XC

Triângulo traseiro dividido – Ao contrário da maioria das full suspensions do mercado que utilizam uma balança traseira em peça única, a nova Dogma XC utiliza um triângulo traseiro é dividido em duas partes, esquerda e direita, unidas por um pivô oversized localizado na região do movimento central do quadro. O resultado foi a eliminação da ponte externa, possibilitando assim maior espaço para o uso de pneus mais largos caso necessário, além de eliminar um ponto de acúmulo de barro.

Pinarello Dogma XC

Desenho assimétrico – A balança traseira conta com um desenho assimétrico com o lado esquerdo reforçado, de forma contrabalançar as forças aplicadas no lado da transmissão. A solução, de acordo com a Pinarello, resulta em uma transferência de energia mais equilibrada, aumentando a velocidade e a tração.

Pinarello Dogma XC

Cinemática – Como descrito acima, o design da suspensão traseira da nova bike da Pinarello conta com uma cinemática que faz uso de stays flexíveis para maximizar a transferência de energia durante a pedalada, proporcionando uma relação de compressão e retorno otimizada nas descidas e proporcionando máxima resposta da bike na pilotagem.

A fricção de cada pivô da balança foi minimizado através do uso de uma combinação de rolamentos (nos pontos de maior ângulo de rotação) e buchas nos pontos de maior impacto, solução que reduz a dispersão de energia, melhora a condução da roda traseira aumenta a durabilidade do siustema e reduz sua manutenção.

Pinarello Dogma XC

Curso ajustável – A Pinarello Dogma XC conta com geometria ajustável, graças a um sistema de ancoragem do amortecedor traseiro compatível com cursos traseiros entre 90 e 100 mm, com o uso combinado de garfos de suspensão com cursos de 100 e 120mm.

Cockpit – Customizado e totalmente integrado, o cockpit da Dogma XC aumenta a dirigibilidade e alivia o peso total da bicicleta, se comparado às soluções convencionais de guidão e mesa separados. O uso de uma caixa de direção especial possibilita um roteamento dos cabos de marcha e mangueiras de freio com um acabamento limpo e aerodinâmico.

A caixa de direção conta ainda com uma trava limitador, que impede que o quadro seja danificado pelo contato com a ponta do guidão quando este é girado.

Pinarello Dogma XC

Preço e disponibilidade – A nova Pinarello Dogma XC será comercializada a partir de março de 2024, ainda sem previsão de preço ao consumidor final.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização