19 de junho de 2024
Raiza Goulão
Raiza Goulão - Foto: Cesar Delong

Raiza Goulão é pentacampeã brasileira de MTB XCO

Após excelente temporada, atleta garante a tríplice coroa em 2022, ao conquistar os campeonatos de Cross-Country Olímpico, Short Track (XCC) e Maratona (XCM)

A goiana Raiza Goulão, natural de Pirenópolis, encerrou com chave de ouro neste domingo (9), em Conceição do Mato Dentro (MG), a temporada de 2022. Após acumular importantes títulos em sua carreira neste ano, como o inédito título geral da Copa Internacional de MTB (CIMTB) e os campeonatos brasileiros de Maratona (XCM) e Short Track (XCC), Raiza assegurou nesta tarde a conquista de campeã brasileira de XCO, o Cross Country-Olímpico, neste que foi o seu pentacampeonato na elite nacional – 2015, 2016, 2017, 2020, 2022. Assim, a atleta da Squadra Oggi garantiu também a tríplice coroa, ao ser campeã dessas que são as três principais modalidades – XCO, XCC e XCM – do cross-country.

Raiza Goulão – Foto: Cesar Delong

Com largada ao meio-dia, a prova teve Raiza Goulão sempre entre as principais protagonistas. Hercília Najara dominou a primeira volta, para logo em seguida Raiza ditar o ritmo do pelotão na segunda. Foi aí que a goiana abriu espaço na abertura da terceira volta, para que alguma de suas adversárias ditasse o ritmo. Isabella Larcerda o fez, para na quarta e penúltima volta Raiza assumir de volta o posto de líder. Daí em diante, Raiza esteve em primeiro lugar até cruzar a linha de chegada. A volta decisiva teve Raiza, Isabella e Karen Olimpio juntas nos primeiros quilômetros, até que a campeã de 2021, Karen, perdesse conexão com as líderes. Na terceira subida longa da pista, Raiza atacou de forma definitiva, para garantir o título.

“Uma pista que eu dividi em três partes, separando pelas três subidas mais longas. Sabia que a primeira era dura e longa, então não adiantava lançar ataques nela, porque ainda haveria duas subidas também constantes. Estudamos umas às outras, praticamente nas três primeiras voltas. Sabia da força da Isabella e da Karen, então era ver quem iria responder aos ataques, quem puxaria o pelotão. Eu me senti bastante marcada, com as adversárias me esperando tomar atitude. Quando vi, no final, estávamos Isabella e eu roda a roda. Imaginava que a subida após o primeiro ponto de apoio (terceira da prova) seria decisiva. Sabia que ali era minha última chance”, comentou Raiza.

“A prova foi para a última volta, sem muito gap de diferença. Tinha que ser nessa subida após o ponto de apoio ou então ficaria para subida final, próxima a linha de chegada, na qual eu já tinha boas recordações, porque foi ali que conquistei a diferença para levar o título do XCC no sábado (08/10)”, relembrou. “Muito feliz, por ter de volta essa camiseta de campeã brasileira do XCO e agora eu sou pentacampeã brasileira na elite”, vibrou Raiza. Além de Raiza Goulão, o Top 5 da Elite Feminina teve Isabella Lacerda, Karen Olimpio, Aline Simões e Hercília Najara.

Raiza Goulão
Raiza Goulão – Foto: Cesar Delong

Temporada de excelentes resultados – 2022 foi um ano de redenção para Raiza Goulão. Após um ano difícil em 2021, quando sofreu uma fratura na mão e demorou meses para conseguir recuperar-se 100%, Raiza voltou com tudo em 2022. Após abrir a temporada na 167ª posição do mundo, a ciclista foi escalando posições no ranking, para chegar ao Top 40. Com esse título, a tendência é que Raiza suba ainda mais posições, estando hoje em 33º lugar. São 11 vitórias que Raiza Goulão conquistou em 2022, com destaque para os três títulos nacionais, outras três vitórias na CIMTB (as dobradinhas em Araxá, Taubaté e Congonhas), e vitórias internacionais como a Copa Aguavista, no Paraguai, e os Jogos Sul-Americanos de MTB, em Assunção, também no Paraguai.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização