15 de julho de 2024
Rocky Mountain Games
Trilhas desafiadoras na segunda etapa em Campos do Jordão - Foto: Ricardo Leizer / Rocky Mountain Games

Rocky Mountain Games terá MTB com trilhas desafiadoras em Campos do Jordão

Maior festival de cultura de montanha do Brasil terá percursos de 25 km e 50 km para MTB e 50 km para gravel, passando por pontos como pico do Imbiri e a Pedra do Baú

Encravada na Serra da Mantiqueira, a mais de 1,6 mil metros acima do nível do mar, Campos do Jordão é a cidade mais alta do país. Clima ameno  – predominantemente frio – o ano inteiro e montanhas desafiadoras, com direito ao bioma da Mata Atlântica e trechos de floresta de Araucárias, fazem da chamada Suíça Brasileira um dos locais favoritos dos mountain bikers. Entre 17 e 18 de setembro, eles terão uma oportunidade única de pedalar em percursos inéditos, recheados por trilhas desafiadoras, na segunda etapa do circuito 2022 do Rocky Mountain Games, sediada na Praça do Pinho Bravo, Capivari.

As provas de Mountain Bike serão disputadas em percursos de 25 km e 50 km. A modalidade ainda terá disputas de Gravel, com 50 km. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site oficial do evento ou ir direto na página de inscrições no Ticket Sports.

Rocky Mountain Games
Foto Portal de Campos do Jordão – Foto: Sérgio Biagioni / Divulgação

O percurso desenhado para o MTB do Rocky Mountain Games Campos do Jordão é inédito, recheado de trilhas fechadas, bem ao gosto dos mountain bikers. Além do desafio, agrega um visual único, com paisagens típicas da Serra da Mantiqueira, incluindo a icônica Pedra do Baú e o ponto mais alto da cidade, o Pico do Imbiri, que está a quase 2 mil metros de altitude e conta com uma vista privilegiada de 360º da região. “Teremos provas inesquecíveis para o corpo e a mente, tanto pela alternância de terrenos e cenários. E, principalmente, pela sensação de conquista”, afirma Andrea Estevam, diretora executiva da Rocky Mountain Sports Content.

Todas as categorias  começam com um deslocamento de cerca de 4 km, para melhor segurança de todos. Esse é o tempo para sair do centro de Campos e começar a vivenciar tudo que a região tem para entregar aos amantes da bicicleta. De acordo com os coordenadores da modalidade, uma dica importante é manter-se no pelotão e dosar a força  para o que vem pela frente. Contudo, se esse esforço for custar muito fôlego, melhor manter seu ritmo para chegar inteiro até a linha de chegada.

MTB 25km – Quem optar por 25 km terá a oportunidade perfeita para aperfeiçoar suas habilidades em todos os tipos de terreno. O percurso conta com estradas antigas, trechos de trilha e até pequenos pontos de asfalto. Os atletas serão poupados de um downhill ousado. Por outro lado, as pernas não serão poupadas, já que a altimetria é de 1.024 m de desnível acumulado. Isso já diz bastante sobre os desafios do trajeto. Mas a recompensa será mais que certa, com a passagem pelo Pico do Imbiri. Serão 26,3 km de pedal e o visual garantido.

MTB 50km – A prova de 50 km terá  exatos 51,7 km, com 2.197m de altimetria. O percurso será feito por algumas estradas abandonadas e muitas trilhas (single track) bastante técnicas. São pontos que testarão a habilidade e técnica dos bikers, embora ofereçam poucas oportunidades de ultrapassagem, principalmente nos últimos 15 km. No total, mais de um terço  da prova será por singletrack (34 km ao 49 km), incluindo um trecho onde vai ser necessário pedalar por cerca de 1 km em um leito de rio raso.  Os coordenadores informam que serão usadas trilhas conhecidas em Campos, porém conectadas de um jeito único.

Gravel – Para os amantes da bike que encaram tanto terra quanto asfalto, o percurso de Gravel difere bastante em relação à prova de MTB. Serão 54km com 2.249 m de desnível positivo, incluindo um downhill que promete ser bem emocionante logo no começo da prova. Mais adiante um trecho no vale do Baú, rodeado de vinícolas e fazendas de queijo da região vai encher os olhos dos competidores, incluindo a Pedra do Baú, à esquerda. Para voltar a parte alta de Campos, será necessário escalar parte de uma montanha. A prova terá a maior parte em estradas de terra, um pouco de asfalto e o restante de trilhas.

Muito mais – Opções não faltam para os amantes dos esportes outdoor. Além da disputa das bikes, o Banco Master Rocky Mountain Games terá Trail Run (6 km, 10 km, 21 km e 42 km), Corrida Uphill (4 km) e Canicross (5 km), no qual os tutores correm junto com seus cães. Também haverá a disputa do Rocky Man e Rocky Woman (individual ou em trios), com somatória de pontos na Trail Run 21 km, Mountain Bike 50 km e Corrida Uphill.

Em conjunto às atividades esportivas, o Rocky Mountain Games oferece atrações para entreter toda a família. A arena montada na Praça do Pinho Bravo abrigará também atividades recreativas voltadas para o público em geral, com Slackline, Arco e flecha, Clínica de aventura para crianças, exibição de filmes de aventura ao ar livre, Atrações musicais e área de alimentação, com diferentes tipos de food trucks.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização