24 de julho de 2024
Biniam Girmay

Rolha de espumante no pódio tira ciclista do Giro d’Italia

Biniam Girmay, primeiro ciclista de seu país a vencer uma etapa do Giro, teve o olho esquerdo atingido por uma rolha de cortiça e está fora da prova

Poucos instantes após faturar o topo do pódio da 10ª etapa da edição 2022 do Giro d’Italia, o ciclista Biniam Girmay sofreu uma acidente inusitado que o tirou da prova, ao ser atingido no olho esquerdo pela rolha de uma garrafa de espumante que agitava em sua comemoração no pódio.

Girmay, nascido na Eritreia — país localizado no nordeste de África — , deixou nesta terça-feira (17/05) sua marca na história a tornar-se o primeiro ciclista de seu país a conquistar uma Grande Volta, ao percorrer os 196 quilômetros do percurso entre Pescara e Jesi em um intervalo de 4:32:07 horas.

Biniam Girmay

Do céu ao inferno em poucos minutos – Logo após cruzar a linha de chegada, o ciclista de 22 anos da equipe Intermarché-Wanty-Gobert Matériaux subiu ao pódio para receber a premiação, o buquê de flores costumeiro e a tradicional garrafa de espumante, quando o improvável aconteceu. Ao abrir a garrafa, a rolha estourou e atingiu em cheio o olho esquerdo do ciclista, que teve a frieza de prosseguir com o protocolo do pódio, antes de ser atendido pela equipe médica da Intermarché e da própria organização, antes de ser levado para um hospital para exames adicionais.

De acordo com sua equipe, apesar de não ter sido detectada qualquer lesão grave, Girmay deverá ficar em observação nos próximos dias, deixando de participar das próximas etapas do Giro.

Precedente – Apesar de incomum, esta não é a primeira vez que uma rolha provoca sustos no pódio desta 105ª edição do Giro. Logo na etapa de abertura, o holandês Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix) também havia sido atingido praticamente da mesma forma, quando a rolha do espumante atingiu sem maiores consequências sua testa.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização