16 de julho de 2024
Circuito do Parque da Serra do Itajaí
Parque da Serra do Itajaí - Foto: Divulgação / CIMVI

Vale Europeu ganha novo roteiro de cicloturismo

Circuito do Parque da Serra do Itajaí percorrerá nove cidades da região, em um total de 267 quilômetros

Um dos destinos mais procurados para a prática do cicloturismo, o Vale Europeu – região catarinense localizada no Vale do Itajaí – passará a contar com um novo roteiro de cicloturismo. O projeto do Circuito do Parque Nacional da Serra do Itajaí foi apresentado em reunião do Conselho Intermunicipal de Turismo do Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí (CIMVI).

Circuito do Parque da Serra do Itajaí
Ponte do Warnow, em Indaial – Foto: Heinz Beyer

O circuito percorrerá 267 quilômetros em seis trechos, pelas cidades que margeiam o parque nacional. Ao todo, serão mais de 5 mil metros de escalada e de descida em todo o trajeto. Integrarão o roteiro os municípios de Apiúna, Ascurra, Blumenau, Botuverá, Gaspar, Guabiruba, Indaial, Presidente Nereu e Vidal Ramos.

“A criação deste novo circuito vai promover o desenvolvimento econômico para os nossos empreendedores locais, e representa até mesmo uma oportunidade para os proprietários de terras que pertencem ao Parque Nacional da Serra do Itajaí (PNSI) e que ainda não foram indenizados. O turismo é uma forma de valorizar a região, especialmente por meio do ecoturismo, que promove desenvolvimento regional sustentável”, comenta Arlete Regilene Scoz, gestora do setor de Cultura e Turismo do CIMVI.

Circuito do Parque da Serra do Itajaí
Casa enxaimel da família Kohler em Guabiruba – Foto: Divulgação / CIMVI

A implantação do circuito para bicicletas está em fase final de desenvolvimento, com a elaboração do material gráfico para divulgação e instalação das 116 placas de sinalização ao longo de todo o trajeto. O roteiro foi elaborado em parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). A instalação e manutenção do circuito será custeada por meio de rateio entre os municípios que integram o roteiro.

A previsão é de que o novo atrativo esteja operando até o final deste ano.

O Circuito – Pensado para ser um circuito de alta complexidade, o roteiro de Cicloturismo do Parque Nacional da Serra do Itajaí terá uma extensão total de 267,1 quilômetros. Serão 5.114 metros de escalada e 5.111 metros de descida. O circuito será autoguiado e dividido em seis etapas. Caberá ao ciclista escolher a melhor forma de executar o trajeto, por onde começar e por onde terminar. Os trechos do circuito e suas respectivas extensões serão:

  • Blumenau-Indaial-Ascurra-Apiúna (59,6 km)
  • Apiúna-Presidente Nereu (46,5 km)
  • Presidente Nereu-Vidal Ramos (34 km)
  • Vidal Ramos-Botuverá (60 km)
  • Botuverá-Guabiruba (32,1 km)
  • Guabiruba-Gaspar-Blumenau (35,5 km)

O Parque – O Parque Nacional da Serra do Itajaí (PNSI) é uma unidade de conservação federal de proteção integral, criada por decreto em 2004 e administrada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). O PNSI localiza-se na Bacia Hidrográfica do Rio Itajaí, com uma área de 56,9 mil hectares.

Ao todo, nove municípios integram o parque: Apiúna, Blumenau, Botuverá, Brusque, Gaspar, Guabiruba, Indaial, Presidente Nereu e Vidal Ramos.

O CIMVI – O Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí (CIMVI) é uma autarquia pública multifinalitária onde 15 municípios são consorciados atualmente. Os principais serviços prestados às cidades são a gestão do turismo da região do Vale Europeu, a implementação do programa de Licenciamento Ambiental otimizado entre os municípios, o serviço de Educação Ambiental e a Valorização de Resíduos Sólidos, através do projeto Parque Girassol e o programa ‘Vale Muito Cuidar’.

Fonte: CIMVI

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização