1 de março de 2024
SRAM SX Eagle

SX Eagle, o novo grupo transmissor de entrada 1×12 velocidades da SRAM

Com lançamento oficial programado para o segundo semestre, novo grupo de baixo custo promete popularizar o uso de transmissões de 1×12 velocidades

Definitivamente, 2019 parece ser o ano da SRAM. Pouco mais de um mês após abalar a concorrência com o lançamento da revolucionária transmissão eletrônica AXS, a gigante norte-americana especializada em componentes para bicicletas anuncia o lançamento iminente de um novo grupo transmissor de baixo custo de 1×12 velocidades.

Com lançamento mundial agendado para junho/julho deste ano, o novo grupo transmissor SRAM SX Eagle situa-se abaixo do NX Eagle, até então a opção mais “econômica” da marca. Ao contrário das linhas Eagle superiores, é composta apenas por pedivela, trocador de marcha e câmbio, aproveitando a corrente e o cassete de seu “irmão mais velho” NX Eagle.

Pedivela SRAM SX Eagle

Pedivela SRAM SX Eagle
Pedivela SRAM SX Eagle

Construído em liga de alumínio forjado, o pedivela SRAM SX Eagle possui um desenho simples e despojado, embora agregue as tecnologias de grupos mais sofisticado da SRAM, como o sistema de engate direto da coroa, disponibilizada na medida padrão de 32 dentes.

O pedivela será oferecido em versões Boost e convencional, sempre com eixo no padrão DUB e opções de caixa de centro PressFit de 89-92mm, PF30 e rosca.

Câmbio SRAM SX Eagle

Câmbio SRAM SX Eagle
Câmbio SRAM SX Eagle

Muito similar a outros modelos que utilizam a tecnologia SRAM  X-Horizon, o novo câmbio SX Eagle utiliza um gage de aço, que abriga polias X-Sync, compatíveis com cassetes de até 50 dentes.

Trocador de marchas SRAM SX Eagle

Trocador de marchas SRAM SX Eagle
Trocador de marchas SRAM SX Eagle

Compatível com as linhas SRAM GX e NX, o novo trocador de marchas SX Eagle é construído com carcaça e alavancas de mudança feitos em material plástico. Curiosamente, ao contrário dos demais modelos, será disponibilizado em duas opções, a tradicional, com a possibilidade habitual de troca múltipla de marchas, e uma outra, indicada para uso em e-bikes, que só passa marcha de forma sequencial.

Preço e disponibilidade – Até o presente momento a SRAM  não divulgou as especificações técnicas e os valores a serem praticados no mercado. De acordo com o fabricante, o lançamento mundial deverá ocorrer entre junho e julho deste ano. Em breve, mais informações.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização