21 de fevereiro de 2024
Foto: Glaucio Dettmar / MTB Brasília

Torquímetro digital 40 a 200 Nm Gross Tools

Adaptador transforma chave de catraca comum de 1/2 polegadas em um torquímetro digital de precisão para uso em oficinas de bicicleta

Toda oficina mecânica que se preze possui pelo menos um tipo de torquímetro para realizar apertos em parafusos e componentes de acordo com as especificações de cada fabricante.

Entretanto, poucos mecânicos utilizam a ferramenta em componentes como amortecedores, caixas de direção e travas dos rotores de freios, que exigem valores mais altos de torque. A razão é, em boa parte, justificada devido ao alto custo de torquímetros que trabalham acima dos 40Nm.

Ao procurar uma ferramenta destas para o uso em minha oficina particular deparei-me com um verdadeiro achado: um adaptador de baixo custo, capaz de transformar praticamente qualquer modelo de chave de catraca em um torquímetro digital de precisão, na faixa de trabalho entre 40 a 200 Nm.

O adaptador da Gross possibilita transformar qualquer chave de catraca de 1/2″ em um torquímetro digital de precisão – Foto: André Ramos – MTB Brasília

Produzido pela Gross Tools, marca russa especializada em ferramental de precisão, o Adaptador Dinamométrico Digital 14164 pode ser acoplado diretamente em qualquer chave catraca no padrão 1/2 polegadas, funcionando como uma interface entre a ferramenta e o soquete ao mesmo tempo em que realiza a medição do torque.

O adaptador da Gross é utilizado em conjunto com a chave catraca e o soquete – Foto: André Ramos / MTB Brasília

De pequenas dimensões (6 x 4 x 5cm) e com o peso de 186 gramas, o dispositivo interfere pouco no manusear da ferramenta e fornece em tempo real a força do aperto, coisa que torquímetros de vareta e de estalo não conseguem realizar. Isto é particularmente útil na conferência do torque aplicado em parafusos e componentes com suspeita de sobre aperto. Um LED na cor verde torna-se amarelo quando o torque ajustado está próximo de ocorrer, ficando vermelho ao atingi-lo. Para que não haja dúvidas, um alarme sonoro soa junto com o alerta visual.

O adaptador da Gross trabalha na faixa entre 40 a 200 Nm

Falta de informação – O adaptador da Gross é relativamente fácil de usar, apesar de estranhamente ser comercializado em território brasileiro sem o devido manual em português, o que fere o Artigo 31 do Código de Defesa do Consumidor. Para piorar ainda mais, os únicos manuais fornecidos estão em alemão e russo (!!!).

Após tentar sem sucesso descobrir quem é o distribuidor do produto no Brasil (o site da Gross é escrito em russo, no alfabeto cirílico), contatei a loja Palácio das Ferramentas, onde adquiri o produto, que muito atenciosamente me prometeu entrar em contato com o fornecedor e enviar um manual em português assim que estiver disponível.

Dando uma boa pesquisada, descobri que o adaptador é produzido sob licença para diversas marcas em todo o mundo, incluindo a Birzman, tradicional grife de ferramentas e acessórios para ciclismo. Outra marca que também o comercializa é a norte-americana Powerbuilt Tools, de onde consegui um manual em inglês para poder, finalmente, utilizar a ferramenta.

Características – O Adaptador Dinamométrico Digital 14164 conta com dois modos de uso: tempo real (trACE) e pico (PtoP). No modo tempo real, como o nome deixa claro, o mostrador digital vai mostrando o torque de acordo com o aperto aplicado, função bastante útil para conferência de apertos e sempre que é possível ficar monitorando visualmente o display.

No modo pico, o visor mostra apenas o valor pré-ajustado de torque, avisando quando este nível for atingido via sinal sonoro. Esta função é indicada em situações onde não é possível ficar monitorando a tela.

O dispositivo permite memorizar até 50 torques pré-definidos e pode realizar a leitura em kg-cm, kg-m, lb-in, lb-ft e N-m. É alimentado por uma bateria do tipo CR2032, cuja autonomia, de acordo com o fabricante, é de cerca de 2 mil usos. Para preservá-la, o aparelho desliga-se após um período de inatividade de 80 segundos.  

Características técnicas

Precisão ± 2%
Memória 50
Modo de operação Pico e tempo real
Unidades de medidas kg-cm, kg-m, lb-in, lb-ft e N-m
Fonte de alimentação Bateria CR2032
Temperatura de operação -10ºC a 60ºC
Temperatura de armazenagem -20ºC a 70ºC
Desligamento automático Após 80 segundos de inatividade
Torque de trabalho 30-15 Ft-lbs (40-200 Nm)

O Teste – Na impossibilidade de se realizar um teste de acurácia, optei por compará-lo a um torquímetro de vareta e outro de estalo, o que resultou em medições similares. Já no quesito usabilidade, foram utilizados os seguintes soquetes e adaptadores:

  • Ferramenta de remoção de movimento central IceToolz M091;
  • Soquete removedor de cassete Topeak TPS-SP39;
  • Adaptador 1/2″ 3/8″ Gedore 1930;
  • Soquete plano Gedore 24mm;
  • Chave de pedal para torquímetro Park Tool TPS-SP39.

Todos os soquetes e ferramentas acima foram utilizados com a chave catraca reversível Topeak TPS-SP37, que possui conexão no padrão 1/2 polegada.

Durante o uso em conjunto com estas ferramentas, percebi que o fato do dispositivo acrescentar altura na conexão entre a chave catraca e o soquete faz com que a operação com apenas uma das mãos seja uma tarefa praticamente impossível sem que o soquete escape.

Para evitar danos tanto às ferramentas quanto aos componentes da bicicleta, recomendo fortemente seu uso em conjunto com morsas de bancada ou cavaletes de manutenção, de acordo com a situação.

O adaptador Dinamométrico mostrou-se bastante versátil, rápido e fácil. Sua capacidade para até 50 torques em sua memória é mais do que suficiente para a maioria das oficinas mecânicas. 

Particularmente gostei muito dos dois alertas de torque, o visual e o sonoro – audível mesmo no ruidoso ambiente das oficinas. A possibilidade de se obter medições em tempo real é uma qualidade que com certeza será bem apreciada para quem monta quadros de carbono com frequência.

A ferramenta vem acondicionada em um estojo e é fornecida com uma capa protetora em silicone

Como todo equipamento de precisão, o Adaptador Dinamométrico Gross 14164 é uma ferramenta frágil, que deve ser operada com cuidado e guardada em seu estojo sempre que não esteja sendo utilizada. O aparelho vem com uma capa protetora de silicone que ajuda a protegê-lo contra choques e arranhões, mas que no meu caso rasgou com uma semana de uso…

Adaptador Dinamométrico Digital Gross 14164

Facilidade de uso
Versatilidade
Precisão
Custo x Benefício

Ótimo

Uma alternativa versátil, polivalente e barata aos torquímetros convencionais

Alternativa eficiente e de baixo custo – Em uma avaliação geral, trata-se de um ferramental altamente útil, produtivo e eficiente. Esses adjetivos, em conjunto com seu baixíssimo custo se comparado ao preço de um torquímetro convencional, torna o Adaptador digital da Gross uma ferramenta recomendada ao uso em qualquer oficina de bicicletas especializada.

Atualmente, o Adaptador Dinamométrico Digital 14164 Gross pode ser encontrado em diversas lojas online de ferramentas como a Loja do Mecânico (R$ 292,90), Palácio das Ferramentas (R$ 261,99), Dutra Máquinas (R$ 284,05) e Wab Ferramentas (R$ 369,90).

Pontos positivos

  • Display de fácil visualização;
  • Estojo protetor e capa emborrachada prolongam a vida útil da ferramenta;
  • Adapta-se a qualquer chave catraca de 1/2 polegadas;
  • Alerta visual por LED; 
  • Alerta sonoro audível mesmo em ambientes ruidosos;
  • Pode ser utilizado para calibrar outros torquímetros;
  • Preço imbatível, se comparado a torquímetros couns.

Pontos negativos

  • Fragilidade;
  • Manual de instruções em alemão e russo (!!!) apenas.

Sobre o autor

André Ramos é editor do website MTB Brasília
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização