26 de fevereiro de 2024
O PL aprovado prevê a utilização de bicicletas que geram energia elétrica a partir da movimentação de suas rodas - Foto: Eco Greens

Goiânia aprova PL que prevê geração de energia para iluminação pública através do uso de bicicletas

Projeto de Lei Pedalando e Gerando Energia Limpa é aprovado na Câmara Municipal da cidade e agora aguarda sanção do prefeito para ser posto em prática

A Câmara Municipal de Goiânia (GO) aprovou nesta terça-feira o Projeto de Lei da criação do programa Pedalando e Gerando Energia Limpa, que tem por finalidade a instalação de bicicletas ergométricas para gerar energia elétrica através de pedaladas. O PL, de autoria da vereadora Sabrina Garcêz (PMB), prevê que a energia elétrica gerada por este meio será armazenada em baterias, de forma possibilitar o aproveitamento para fins de iluminação de praças e logradouros da cidade, além de outras finalidades úteis aos usuários, que venham a ser definidas pelo Poder Público.

O PL, é de autoria da vereadora Sabrina Garcêz (PMB) – Foto: Câmara Municipal de Goiânia / Divulgação

O projeto Pedalando e Gerando Energia Limpa também estabelece que a Prefeitura de Goiânia poderá aceitar doações de bicicletas que atendam aos objetivos do projeto, com base em convênios e termos de parcerias não onerosas, facultando-se às instituições doadoras ou apoiadoras a divulgação de seus nomes nos próprios equipamentos doados ou por elas desenvolvidos.

Para Sabrina Garcêz, “o uso dessas bicicletas, além de promover a saúde para seus usuários, poderá colaborar com o meio ambiente, por ser fonte de energia limpa e ajudar na iluminação pública de praças e ruas do seu entorno”.

Segundo a vereadora, esse tipo de equipamento já tem sido utilizado em presídios no estado de Minas Gerais, onde “por ordem do Poder Judiciário, os presos estão pedalando e gerando energia para seu próprio consumo no presídio”.

Aprovado em segunda e última votação, o Projeto de Lei segue agora para sanção ou veto do prefeito Íris Rezende.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização