29 de maio de 2024
Foto: Specialized Racing BR / Divulgação

Como o intercâmbio de disciplinas auxilia na evolução dos atletas

Técnico da equipe Specialized Racing BR fala sobre a importância do cruzamento de modalidades no treinamento esportivo em busca do alto rendimento

O técnico Henrique Furtado da equipe Specialized Racing BR comanda um time formado por sete atletas: André Bretas (Enduro), Isabella Ribeiro e Diogo Malagon (Triathlon), Bruna Elias, Larissa Brasa, Erick Bruske e Lucas Sírio (MTB XCO/XCM). Apesar deles serem especialistas em modalidades distintas do ciclismo, eles têm em comum o amor por pedalar e a preparação para o alto rendimento. E justamente neste ponto que os elementos se fundem com o conceito do intercâmbio de modalidades para evolução dos atletas.

Foto: Specialized Racing BR / Divulgação

“A Specialized Brasil apostou em 2017 num novo conceito na formação do time e dos atletas. Envolvendo ideais de união, comportamento e integração entre os membros da equipe, foi desenvolvido um esquema sustentado na construção da carreira dos atletas de base dentro do time. Com o time composto por atletas de diversas disciplinas, vivenciamos ricas experiências. Um time integrado em que todos os membros colhem e compartilham desse aprendizado” comenta o educador.

A primeira aparição multidisciplinar da equipe aconteceu na 1ª etapa da Copa Internacional de Mountain Bike, em Araxá (MG), em que todos os sete competidores participaram da competição, naturalmente, com objetivos diferenciados. Agora chegou a vez da disputa em alto nível na segunda etapa da CIMTB em São João Del-Rei nos dias 10 e 11 de junho.

Foto: Specialized Racing BR / Divulgação

“A tática é o intercâmbio de disciplinas. Após analisar o calendário de competições dos atletas e as demandas fisiológicas dos treinos, escalamos algumas provas diferentes da especialidade de cada um com o intuito de aplicar um estímulo diferente e desenvolver um parâmetro de comparação” conta Furtado, que realizou um trainning camp com os atletas em Belo Horizonte, visando a preparação para a 2ª etapa da CIMTB.

“Na abertura da CIMTB , André Bretas, nossa estrela do Enduro, competiu pela primeira vez no Cross Country Olímpico (XCO) e teve um final de semana de grande aprendizado. No Enduro as intensidades são altas e curtas devido à duração das Especiais (tomada de tempo que acontece  no meio da prova), com isso André pôde exercer um esforço similar, porém da mais alta performance e, lado a lado, com os melhores do mundo do XCO” – explica.

Foto: Specialized Racing BR / Divulgação

O intercâmbio de disciplinas é fundamental para evolução de qualquer atleta, já que muitas vezes o cenário de competição é encarado como um “treino de luxo” visando objetivos maiores:

O time Specialized Racing BR vai com tudo para a competição no Campus Tancredo de Almeida Neves (Ctan-UFSJ) que espera receber mais de 800 atletas na cidade. “Todos os atletas com o corpo e mente polidos para mais um grande espetáculo do XCO” – destaca o treinador. 

A atleta gaúcha Bruna Elias defenderá a liderança na categoria junior feminino, na prova também válida para o ranking internacional da UCI Junior Series. “Muita coisa ainda está por vir e muita experiência será trocada entre nossos atletas que estão vivendo aprendizados em conjunto e enriquecendo suas carreiras no esporte” – completa.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização