29 de maio de 2024

Produção de bicicletas no Brasil registra queda de 1,9% no primeiro trimestre do ano

Apesar do recuo, empresários do setor preveem aumento na produção ainda em 2017; Dados são da Associação Brasileira de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo)

Nos primeiros três meses de 2017, a produção de bicicletas no mercado brasileiro somou 146.097 unidades, volume que representa uma queda de 1,9% em relação ao mesmo período no ano passado, quando 148.959 bicicletas foram produzidas. Os dados são da Associação Brasileira de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), baseados na produção de bicicletas no Polo Industrial de Manaus – PIM.

Na comparação mensal, saíram das linhas de produção 59.649 bicicletas em março, o que representa um crescimento de 15,6% em relação ao mesmo período em 2016. Em fevereiro, o aumento foi de 6%.

“A evolução da produção de bicicletas no Polo Industrial de Manaus, em março, começa a refletir a intensificação dos investimentos das fabricantes para atender ao crescimento da demanda nacional por produtos de maior valor agregado e contando com uma recuperação na base de consumo a partir do 2º semestre de 2017”, afirma João Ludgero, vice-presidente do Segmento de Bicicletas da Abraciclo. Apesar da crise, Ludgero é otimista com relação a um possível crescimento do setor ainda em 2017: “O setor já sinaliza a possibilidade de alcançar a projeção de crescimento de dois dígitos na produção deste ano ante 2016, devendo alcançar um patamar entre 750 e 800 mil bicicletas”, completa.

Importações e Exportações – A importação de bicicletas apresentou recuo de 23% no primeiro trimestre de 2017, totalizando 29.653 unidades, ante 38.526 registradas em período similar do ano passado, conforme dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) analisados pela Abraciclo.

As bicicletas importadas para o mercado brasileiro no período foram produzidas basicamente na China (22.562), que sofreu queda de 35,5%, Taiwan (2.876) e Camboja (2.177 unidades).

As exportações de bicicletas produzidas no Brasil, por sua vez, totalizaram 676 unidades no primeiro trimestre, aumento de 307,2% ante volume de 166 unidades em igual período de 2016, segundo a análise da entidade com base nos dados do MDIC. As exportações do mês tiveram como destino Angola (660) e Bolívia (16).

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização