19 de maio de 2024
Avancini lidera pelotão na sexta edição - Foto: Ney Evangelista / Brasil Ride

Sétima edição da Brasil Ride é lançada em Salvador

Evento contou com a presença do governador Rui Costa, do secretário de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte Álvaro Gomes, do ciclista Henrique Avancini e do fundador da competição, Mario Roma

A sétima edição da Brasil Ride, principal ultramaratona de Mountain Bike das Américas, marcada para 15 a 22 de outubro, com sedes em Arraial d’Ajuda, em Porto Seguro, e em Guaratinga, foi lançada na tarde desta segunda-feira (10), em evento realizado na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia, em Salvador. A solenidade contou com a participação do governador Rui Costa, do secretário de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE), Álvaro Gomes, e do fundador da competição, Mario Roma, de Andrea Roma e de Henrique Avancini, ciclista bicampeão brasileiro de MTB, os três representando a ultramaratona no evento.

“A Brasil Ride tem uma importância extraordinária, porque contará com 500 atletas de quase 30 países e no último dia um total de 1.500 ciclistas já que, além dos participantes dos sete dias da ultramaratona, há também mais 1.000 atletas na Maratona Brasil Ride. É uma das seis provas mais importantes do mundo no gênero”, enaltece o secretário da SETRE, Álvaro Gomes. “Mas, ao meu ver, o principal resultado será estimular o esporte como fator de inclusão social e desenvolvimento humano”, complementa o secretário.

Largada da Brasil Ride Foto: Christian Correa / Brasil Ride
Largada da Brasil Ride Foto: Christian Correa / Brasil Ride

“Além da movimentação da economia e fomento ao esporte, teremos também o aquecimento no turismo no Sul da Bahia durante o período da competição. Haverá, ainda, participação de ciclistas campeões mundiais, um campeão olímpico, campeões brasileiros, entre tantos outros”, disse Álvaro Gomes, em referência a nomes como Tiago Ferreira (POR) e Roel Paulissen (BEL), campeões do mundo, Bart Bretjens (HOL), campeão olímpico de Atlanta 1996, e Isabella Lacerda e Halysson Ferreira, atuais campeões nacionais de Maratona MTB.

Fundador da Brasil Ride, Mario Roma conta o porquê de fazer a competição no estado baiano e o que muda com a troca de local, saindo da Chapada Diamantina para a Costa do Descobrimento. “A Bahia tem o tempero mágico do Brasil. É um estado que simboliza muito bem o País. Tem trilhas incríveis, clima fantástico e o calor do povo baiano. Tudo isso junto tem uma química que garantiu nos seis últimos anos realizarmos um dos maiores eventos do mundo no Brasil e nesta sétima edição não será diferente”, avalia Roma. “Esta será a versão 2.0 da Brasil Ride. Tudo novo, para nós, os atletas e para as cidades-sedes, bem como para toda região. Muita gente pergunta se é mais fácil ou difícil, eu digo que o prato será diferente, mas a pimenta será a mesma”, conclui Mario Roma.

Brasil Ride celebra parceria com a Bahia – Um dos principais responsáveis pelo sucesso e evolução da Brasil Ride, o estado da Bahia posiciona-se, cada vez mais como incentivador do ciclismo em suas diversas modalidades. No mountain bike, a realização pelo sétimo consecutivo da principal ultramaratona nas Américas, garante o desenvolvimento do MTB. Durante os sete dias, serão 538,8 km pedalados e cerca de 11.000 metros de altimetria acumulada

Por meio da SUDESB (Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia) e da Bahiatursa (Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia), o Governo da Bahia se faz presente no evento. Com início e fim em Arraial d’Ajuda, a corrida transcorrerá ainda por Eunápolis, Itabela e Guaratinga, chegando a região de São João do Sul. Do município de Porto Seguro, quatro duplas locais tentarão fazer bonito na competição: na Open competirão Gilberto Santos e Daniel Costa, e Raoni de Micheli e Henrique Couto, na mista, Virgínia Setubal e Thiago Mendes, enquanto na Máster estarão em ação Cláudio Hackenhaar e Daniel Shnitzer.

“Tivemos para esta sétima edição 53 ciclistas do estado da Bahia inscritos na Brasil Ride. Ou seja, mais de 10% dos participantes são locais, algo muito significativo, que comprova a evolução do esporte no Estado”, enaltece Mario Roma. “O lançamento do nosso evento nesta segunda-feira em Salvador, com a presença do governador Rui Costa, confirma a importância deste apoio que já dura sete anos. É uma satisfação realizar cada uma das edições convictos de que estamos contribuindo diretamente para o fomento do esporte e para o incentivo de novos atletas”, complementa Mario.

Maratona Brasil Ride – Os interessados em participar da Maratona XCM Brasil Ride, marcada para o dia 22 de outubro, em Arraial D’Ajuda, devem apressar-se para não ficar de fora desta verdadeira festa do mountain bike. A competição fará parte da programação da sétima e última etapa da ultramaratona Brasil Ride. Para garantir uma vaga na Maratona, basta acessar o site do evento e clicar em Inscrição, que vai até o dia 12 de outubro.

Programação resumida da Brasil Ride

538,8 km, altimetria acumulada de 10.773 metros

  • 15/10 – Sábado: entrega de kit atletas em Arraial d’Ajuda
  • 16/10 – Domingo: Etapa 1: Prólogo em Arraial d’Ajuda (21,1 km e 318 m altimetria)
  • 17/10 – 2ª feira – Etapa 2: Deslocamento para o acampamento da Vila Brasil Ride (128 km e 2225 m altimetria)
  • 18/10 – 3ª feira – Etapa 3: Largada e chegada no acampamento (63,5 km e 1.587)
  • 19/10 – 4ª feira – Etapa 4: Largada e chegada no acampamento (85,3 km e 2.963 m altimetria)
  • 20/10 – 5ª feira – Etapa 5: Deslocamento do acampamento da Vila Brasil Ride para Arraial d’Ajuda (134 km e 2.027 m altimetria)
  • 21/10 – 6ª feira – Etapa 6: Percurso XCO em Arraial d’Ajuda (31,8 km e 548 m altimetria)
  • 22/10 – Sábado – Etapa 7: Última etapa do Brasil Ride e Maratona XCM / Festa de encerramento, em Arraial d’Ajuda (75 km e 1.105 m altimetria)
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização