24 de abril de 2024
Kleber Ramos em ação - Foto: Luis Claudio Antunes / Bike76

Kleber Ramos faz sua estreia nas Olimpíadas no Ciclismo de Estrada

Ciclista de João Pessoa (PB) compete na manhã deste sábado os mais de 237 km de percurso do masculino na prova de resistência

O paraibano Kleber Ramos, também conhecido como Bozó, faz neste sábado (6) sua estreia nos Jogos Olímpicos. Aos 30 anos, Kleber chega em boa forma ao principal desafio de sua carreira e terá ao seu lado o experiente atleta Murilo Fischer, também integrante da seleção brasileira de ciclismo. A prova de resistência do ciclismo de estrada masculina terá início às 9h30, no Forte de Copacabana, e contará com 144 ciclistas de 62 países.

“Para mim é a realização de um sonho. Sempre lutei para alcançar essa conquista tão importante na minha carreira”

“Para mim é a realização de um sonho. Sempre lutei para alcançar essa conquista tão importante na minha carreira, que é poder disputar as Olimpíadas”, destaca Kleber Ramos. “Acredito que esteja na melhor forma no ciclismo. Estou me preparando nestes últimos meses, realizando treinos árduos em um percurso parecido com o da prova. Tenho feito sempre a mesma quilometragem e espero fazer uma grande apresentação e conquistar um resultado de destaque para o Brasil”, completa Bozó.

Kleber Ramos exibe bike que usará na Rio 2016 - Foto: Alex Santos / PortalR3
Kleber Ramos exibe bike que usará na Rio 2016 – Foto: Alex Santos / PortalR3

O percurso de 237,5 km com subidas íngremes, que chegam a 5.184 metros de ascensão, tem largada e chegada no Forte de Copacabana. Os ciclistas passam por alguns dos principais pontos turísticos da cidade, como as praias de Ipanema e Leblon, a Vista Chinesa, o Jardim Botânico e o Parque Nacional da Tijuca. A parte mais difícil do circuito será na Reserva da Praia de Grumari, com serra sinuosa e pista com trechos em paralelepípedos.

Um ano atrás, durante o Aquece Rio, Kleber Ramos foi o sétimo colocado da prova que contou com percurso reduzido de 165 km. “Disputei o evento-teste para a Rio 2016 há um ano. O circuito é muito seletivo e possui muitas subidas íngremes. Por isso, vai selecionar bastante o pelotão com o passar dos quilômetros. Meu desejo é o de conquistar uma medalha olímpica”, destaca o ciclista paraibano.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização