22 de abril de 2024

UCI utilizará câmeras térmicas para detectar motores nas bicicletas do Tour de France

A União Ciclística Internacional (UCI) e a organização da 103ª edição do Tour de France anunciou hoje (26) que conduzirá entre 3 mil a 4 mil testes na busca por motores ocultos nas bicicletas dos competidores através de câmeras munidas de sensores térmicos.

De acordo com o jornal francês Le Journal du Dimanche, câmeras térmicas similares às utilizadas durante as provas italianas Strade Bianche e Coppi & Bartali, serão instaladas em motocicletas para detectar bicicletas equipadas com o chamado ‘doping tecnológico’.

Câmeras especiais equipadas com sensores térmicos que captam fontes de calor no interior das bicicletas - Reprodução / Corriere della Sera
Câmeras especiais equipadas com sensores térmicos que captam fontes de calor no interior das bicicletas – Reprodução / Corriere della Sera

Segundo o secretário francês do Esporte, Thierry Braillard, estas câmeras de alta tecnologia foram desenvolvidas pelo Comissariado de Energia Atômica (CEA), a pedido do governo francês. “Queremos preservar o espírito esportivo do Tour”, disse o diretor da prova, Christian Prudhomme, durante entrevista coletiva à imprensa, onde apresentou o novo dispositivo de combate à fraude.

Durante a coletiva, o diretor de investigação da CEA, Vincent Berger, explicou que a nova câmera avalia as diferentes densidades dos materiais em função de suas propriedades térmicas.

De pequenas dimensões e portátil, o novo equipamento poderá ser transportado por uma motocicleta de forma a detectar em tempo real possíveis fraudes mecânicas, tanto instaladas nas rodas quanto no interior dos quadros das bicicletas.

Segundo o presidente da UCI, Brian Cookson, a nova tecnologia não substituirá, mas sim complementará a atual fiscalização anti-fraude, que utiliza tablets especiais munidos de sensores magnéticos gerados por motores.

“Desde o início do ano, deixamos uma clara mensagem que não haverá mais espaço para fraudes deste tipo em nenhuma das provas organizadas pela UCI”, disse o presidente.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização