22 de maio de 2024

Empresa cria ciclocomputador que reconhece gestos do ciclista

Haiku Bike Assistent oferece informações como rotas urbanas, velocidade e distância e ainda permite a leitura de mensagens de texto e e-mail através de sua tela, controlada por gestos da mão 

Ciclocomputadores e GPS dotados de telas sensíveis ao toque estão presentes na maioria dos aparelhos topo de linha disponíveis no mercado, mas uma pequena startup francesa foi mais além, ao criar um inovador acessório que pode ser controlado remotamente através dos gestos das mãos do ciclista.

 

Desenvolvido especificamente para ciclistas urbanos, o Haiku fornece em sua tela informações relevantes como velocidade distância percorrida e tempo, entre outras. Além disso, uma vez pareado com o smartphone de seu usuário através da interface Bluetooth, é possível mostrar diretamente em seu display mensagens de texto e e-mails. A mesma conectividade permite o upload de dados para aplicativos como o Strava.

O grande diferencial do Haiku é a sua capacidade de reconhecer os gestos das mãos do ciclista, que não precisa tocar diretamente no aparelho para alternar suas telas ou funções.

O Haiku pode ser facilmente acoplado no guidão ou mesa de qualquer bicicleta através de uma montagem especial, fornecida com o aparelho, que permite a sua instalação na vertical ou horizontalmente. De acordo com seus desenvolvedores, a autonomia de sua bateria, recarregável via USB, é de aproximadamente uma semana.

A exemplo de outras empresa startups, a desenvolvedora do Haiku está angariando fundos para viabilizar a produção comercial de seu ciclocomputador, através das plataformas de financiamento coletivo KickstarterIndiegogo, onde os Haiku poderá ser adquirido através de pré-venda ao preço de 80 euros.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização