25 de abril de 2024

MicroSHIFT lança transmissão eletrônica de 1×11 velocidades e preço acessível

A marca taiwanesa MicroSHIFT apresentou esta semana na feira Taipei Cycle Show seu novo modelo de transmissão eletrônica para bicicletas mountain bike, cujo principal apelo em relação aos produtos existentes no mercado é seu preço acessível.

Compatível com cassetes de até 11-42 dentes e coroas de até 35 dentes, a transmissão MicroSHIFT eXCD é alimentada por duas pequenas baterias recarregáveis comuns de lítio-íon, localizadas no trocador de marchas. Com 3,7 volts e 650mAh, as baterias fornecem uma autonomia ao sistema de até 6.000 trocas de marchas ou 1.000 km rodados. Quando não utilizado, o sistema entra em modo economia para poupar energia.

O câmbio traseiro é compatível com cassetes de até 11-42 dentes
O câmbio traseiro é compatível com cassetes de até 11-42 dentes

Localizado na parte inferior do guidão da bike, o trocador possui dois botões de acionamento do câmbio e conta com LEDs indicadores de energia e modo de operação. Um outro botão secundário fornece o ajuste de alinhamento do câmbio.

o trocador possui dois botões de acionamento do câmbio e conta com LEDs indicadores de energia e modo de operação
o trocador possui dois botões de acionamento do câmbio e conta com LEDs indicadores de energia e modo de operação

Embora os valores e a disponibilidade da nova transmissão ainda não tenham sido divulgados, a MicroSHIFT assegura que o novo grupo eletrônico deverá custar, no máximo, 600 dólares, cerca de um quarto do preço de seu concorrente mais próximo, o Shimano XTR Di2.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização