19 de maio de 2024

Bicicleta usa sistema operacional Android e biometria para impedir roubo

Letv Super Cycle vem com leitor de impressão digital, trava automática, alarme e sistema rastreador por satélite

Uma bike que promete facilitar a vida do ciclista e dificultar ao máximo a atividade de ladrões. Esta é a Super Cycle, um protótipo de bicicleta desenvolvido por engenheiros da Letv, empresa chinesa de telecomunicações.

Construída a partir de um quadro de alumínio hidroformado com design futurista, a Super Cycle tem como ‘cérebro’ um computador de bordo integrado à mesa do guidão, baseado no sistema operacional Android. Além de funcionar como um painel de navegação GPS e para monitorar atividades físicas, esta central possui um leitor biométrico que só libera a bicicleta para o usuário que tiver sua impressão digital pré-cadastrada.

Letv

Ao ser estacionada, o sistema trava automaticamente as duas rodas e dificultando a possibilidade de roubo. Um acelerômetro embutido soa um estridente alarme e envia uma mensagem de texto para seu dono caso alguém tente levá-la. Se ainda assim ele for roubada, um sistema de rastreamento torna possível localizá-la por meio de um aplicativo para smartphone.

A Super Cycle utiliza uma bateria de 8,400 mAh – recarregável através da própria pedalada – para alimentar o computador de bordo, as luzes dianteira, laterais e traseira de segurança. A bicicleta conta ainda com conexão Bluetooth e sistema de comunicação walkie-talkie, integrado à mesa do guidão.

A bicicleta foi apresentada nesta quarta-feira (06) na Consumer Electronics Show (CES) feira de tecnologia que está sendo realizada na cidade norte-americana de Las Vegas, dois dias após ter sido mostrada em Nova Deli, Índia, mercado onde será destinada a Super Cycle. Até o presente momento, não há informações sobre o possível lançamento em outros países

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização