22 de abril de 2024
Cadu Polazzo
Cadu Polazzo - Foto: Álvaro Perazzoli / Agência Laborazoli

Treinador vê Brasil mais forte no Mundial de MTB

Cadu Polazzo revela evolução da equipe brasileira e acredita em nova superação na disputa que acontece neste fim de semana

O Brasil encara neste final de semana (5 e 6) o Campeonato Mundial de Mountain Bike XCO, em Andorra, na Espanha. Para o técnico da Seleção Brasileira de Mountain Bike Cadu Polazzo, essa é a competição mais importante da temporada.

“Por ser uma disputa de etapa única, é uma prova diferente de todas as outras. Os atletas se preparam para atingir o pico de performance exatamente nela. É um torneio com adversários fortes e um nível de competição alto. É numa disputa dessas que podemos sinalizar o que acontecerá nos Jogos Olímpicos do ano que vem”, analisa o treinador.

Na Elite Feminina, a equipe será representado por Raiza Goulão e Isabella Lacerda. Segundo Cadu Polazzo, as duas têm mostrado grande evolução nas últimas provas e a expectativa de superação em mais um desafio internacional é grande.

“Esta evolução é visível. Não só em termos físicos, mas também em termos técnicos. Devido à experiência que a Raiza e a Isabella adquiriram nas últimas corridas internacionais, elas melhoraram a pilotagem dosando a potência nos momentos certos do circuito. Além de estarem mais rápidas, estão mais familiarizadas com as adversárias”, comenta Cadu.

A seleção brasileira ainda contará com a presença confirmada de Henrique Avancini, na Elite Masculina, e Luiz Henrique Cocuzzi, na categoria Sub-23.

O circuito – Em Andorra desde ontem, Cadu aproveitou para pedalar pela pista do Mundial ao lado dos atletas. Olha só o que ele achou:

“É um circuito pesado, com subidas inclinadas e single tracks rápidos, em que a técnica de pump track embala a bike e faz diferença. Tem uma descida com pedras soltas e poeira, em que é preciso muito controle para não passar reto. Será uma prova estratégica em termos de ritmo. Largar bem é preciso, mas sem forçar demais para que o atleta não perca o fôlego e fique sem chance de recuperação por conta da sequência de subidas duras”.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização