18 de abril de 2024
Lisandra Guerra - Foto: Felipe Dana / AP

Ciclista cubana cai durante prova e tem o braço atravessado por pedaço de madeira

Pedaço de madeira da pista do velódromo se soltou, perfurando o braço da ciclista, que apesar do susto, passa bem

Um acidente incrível marcou a prova de Ciclismo de Pista dos Jogos Pan-Americanos de Toronto. Durante a disputa com a mexicana Luz Gaxiola, a ciclista cubana Lisandra Guerra desequilibrou-se e foi ao chão. Ao deslizar pelo piso do velódromo, uma farpa de madeira do mesmo se soltou e perfurou seu braço.

O acidente ocorreu durante uma das baterias das quartas de final da prova de Velocidade Individual, após a roda dianteira da bicicleta de Lisandra tocar na roda traseira da bike da mexicana.

A ciclista, que recebeu os primeiros cuidados pelo técnico e por membros da organização, manteve-se tranquila, apesar do ferimento.

A farpa da pista de madeira atravessou o braço da ciclista cubana - Foto: Reprodução / TV
A farpa da pista de madeira atravessou o braço da ciclista cubana – Foto: Reprodução / TV

Nesta quinta-feira (16), Lisandra conquistou a medalha de prata na prova de Velocidade por Equipes, ao lado de sua companheira Marlies Mejías. Com a queda, Guerra ficou fora da disputa individual. Luz Gaxiola, por sua vez, classificou-se para a semifinal.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização