1 de março de 2024
Markolf Berchtold - Foto: Shimano / Divulgação

140 atletas de três países participam do Open Shimano Latino América neste fim de semana

Além de brasileiros, maior competição de Downhill da América Latina terá a presença de atletas do Paraguai e da Argentina, país que contará com 27 ciclistas

A segunda etapa do Open Shimano Latino América 2015, prova de downhill mais importante do continente, reunirá cerca de 140 competidores neste fim de semana, entre sexta-feira (26) e domingo (28), em Balneário Camboriú (SC). Assim como em 2013 e 2014, o evento será realizado no Parque Unipraias, na praia de Laranjeiras, com a presença de representantes de três países: Brasil, Argentina e Paraguai.

Os argentinos levarão nomes de peso para o litoral catarinense, como Santiago de Santiago (um dos favoritos na disputa da PRO), e Fiamma Dominguez, concorrente ao título na categoria damas. Ao todo, a Argentina terá 27 competidores, e o Paraguai, quatro.

Entre os brasileiros da PRO, os destaques são: o atual campeão da etapa Brasil do Open Shimano de 2014, Lucas Borba (Santa Cruz/Shimano), além de Nataniel Giacomozzi (Isapa/Shimano), Lucas Bertol (ADHV/Avaí F.C.), Markolf Berchtold (Markolf Bikes) e Leonardo José de Souza (World Bikes). Na disputa feminina (damas), Bruna Ulrich (Manoel Marchetti), vencedora em 2014, é a principal favorita.

Lucas Borba, campeão em 2014 - Foto: Shimano / Divulgação
Lucas Borba, campeão em 2014 – Foto: Shimano / Divulgação

A competição terá nove categorias: menores, cadetes, juvenis, elite, master A1, master A2, master B, damas e profissional. Nesta sexta-feira, entre 9h e 17h, serão feitas a confirmação das inscrições e a entrega dos kits aos ciclistas, que à tarde – entre 13h e 17h – poderão treinar na pista. No sábado, serão realizados os treinos sem paradas e o classificatório. No domingo, a parte da manhã será reservada para os pilotos fazerem uma descida pela pista antes das finais, marcadas para às 13h30.

Pista de alto nível técnico – A pista de Downhill do Parque Unipraias possui padrão internacional. O local já foi sede de diversos eventos importantes de mountain bike. Por duas vezes recebeu a Copa do Mundo de Downhill, em 2005 e 2006, além do Pan-Americano de 2006 e de três etapas do Campeonato Mundial Máster, entre os anos de 2010 e 2012.

Santiago de Santiago, da Argentina - Foto: Shimano / Divulgação
Santiago de Santiago, da Argentina – Foto: Shimano / Divulgação

O circuito começa no alto do Morro da Aguada, a 252 metros acima do mar, e é finalizado a poucos metros da praia de Laranjeiras, com uma extensão de aproximadamente 1.400m e inclinação máxima de 30%. O acesso à largada, para ciclistas e público, será feito pelo teleférico do Parque Unipraias, adaptado ao transporte das bicicletas.

O Open Shimano Latinoamérica 2015 tem três etapas. Além da prova em Balneário Camboriú e da disputa em Bariloche, onde foi aberta a temporada no final de janeiro deste ano, haverá uma edição em Nevados de Chillán (Chile), em dezembro. O chileno Pedro Ferreira foi o campeão da Pró na etapa de abertura, na Argentina.

Em seu oitavo ano de realização, o Open Shimano segue com números impressionantes, o que credencia a prova como a principal da América Latina na modalidade downhill do mountain bike. Nesse período, foram mais de 30 provas realizadas, em 16 circuitos diferentes, com mais de 3200 competidores, além de nove países representados e a participação de mais de 20 medalhistas pan-americanos. É um evento criado para fomentar o esporte no continente e tem, desde então, revelado grandes talentos do downhill e proporcionado boa oportunidade para os pilotos latino-americanos, a partir do intercâmbio e da troca de experiência entre atletas de vários países.

Em Santa Catarina, a competição conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú, 12º Batalhão de Polícia Militar, 13º Batalhão do Corpo de Bombeiros, Fundação Municipal de Esportes, Secretaria de Obras e Parque Unipraias.

Programação

Sexta-feira (26)

  • Das 9h às 17h – Confirmação de inscrições e retirada de kits
  • Das 13h às 17h – Treino com paradas

Sábado (27)

  • Das 8h às 11h30 – Treino sem paradas, divididos por categoria
  • Das 13h30 às 17h – Treino classificatório

Domingo (28)

  • Das 8h às 11h – Treino sem paradas, com uma descida por piloto
  • Das 13h30 às 17h – Finais
  • 17h30 – Premiação
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização