28 de fevereiro de 2024
Foto: Graham Watson

Paris-Roubaix: Competidores arriscam suas vidas em travessia de trem

Diversos ciclistas ignoraram alerta de aproximação de trem no cruzamento da pista onde foi realizada a prova e arriscaram suas próprias vidas ao cruzarem os trilhos

Por pouco, uma tragédia não ocorreu por ocasião da realização da clássica prova de estrada Paris-Roubaix, realizada neste último domingo (12).

Durante a aproximação de um trem em um cruzamento na estrada onde a prova era realizada, diversos ciclistas do pelotão ignoraram os avisos de alerta e arriscaram suas vidas ultrapassando as cancelas que se fechavam. Alguns competidores chegaram a se chocar com as mesmas.

Foto: Graham Watson
Foto: Graham Watson

Devido ao ocorrido, a companhia ferroviária estatal francesa Société Nationale des Chemins de fer Français (SNCF) fez uma queixa formal à polícia contra os organizadores da prova.

Apesar das regras da provas serem específicas quanto à penalização de ciclistas que ultrapassem o cruzamento quando as cancelas estiverem fechadas, o diretor da Paris-Roubaix, Guy Dobbelaere, defendeu a decisão de não punir os atletas: “O pelotão dos líderes estava a cerca de 10 metros quando a cancela começou a baixar. Na velocidade em que se encontravam, era impossível interrompê-los de forma segura”, alegou.

Já a SNCF não considerou a desculpa justificável. “Vários competidores deliberadamente ignoraram os alertas da cancela, o que é contra todas as normas de segurança do país”, informou a estatal em comunicado à imprensa.

“Milhões de pessoas presenciaram através da TV esta atitude irresponsável, que poderia ter acabado em uma tragédia. Devido a isto, decidimos apresentar à polícia uma queixa formal, solicitando aos mesmos que realizem uma investigação para determinar os responsáveis e puni-los”, completa.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização