24 de abril de 2024
Carlos Oyarzun - Foto: Luis Claudio / CBC

Chileno Carlos Oyarzun vence 2ª etapa e assume a liderança da Volta Ciclística do RS

O melhor atleta brasileiro foi Wilian Chiarello, conquistando a segunda colocação na etapa

O ciclista Carlos Oyarzun, da Seleção do Chile, conquistou nesta quinta (9), a segunda etapa da edição 2015 da Volta Ciclística Internacional do Rio Grande do Sul. O melhor atleta brasileiro foi Wilian Chiarello, conquistando a segunda colocação na etapa.

Com um percurso bastante desafiador, os ciclistas enfrentaram a segunda etapa da competição nesta quinta, pedalando 154 quilômetros entre as cidades de Torres e São Francisco de Paula. Os trechos finais disputados em paralelepípedo, proporcionaram ainda mais emoção, provocando grandes mudanças entre os primeiros colocados.

A etapa foi composta por uma meta volante, vencida pelo ciclista norueguês Frederik Wilmann, do Team Ringeriks-Kraft, e três Prêmios de Montanha, dois vencidos por Eriberto Rodrigues, da equipe Green/Piracicaba, e um vencido por Murilo Afonso, da Funvic/São José dos Campos. O líder geral de metas é Carlos Oyarzun, com 10 pontos, enquanto na classificação de montanha, Eriberto Rodrigues com 22 pontos.

Definição – Nos últimos quilômetros, com bastante subidas, o ritmo foi acelerado, fazendo o grupo principal chegar completamente fracionado. Carlos Oyarsun, que foi bastante agressivo durante a parte final da prova, conquistou uma vitória muito importante para a classificação geral. Wilian Chiarello completou na segunda colocação, a 1s do campeão. O venezuelano Victor Moreno completou o pódio.

Após a segunda etapa, Carlos Oyarzun lidera com 5 segundos de vantagem sobre Wilian Chiarello, e 14 segundos sobre Victor Moreno, terceiro geral. Já entre as equipes, o Team Ringeriks-Kraft lidera com 25h42min32. A segunda posição é do Team Equador, seguido pela Seleçaõ do Uruguay.

Os ciclistas disputam a terceira etapa nesta sexta (9), com largada e chegada na cidade de São Francisco de Paula. O percurso de 160 quilômetros não deverá promover grandes mudanças nas classificações, mas será composto por três disputas de metas volantes (chegadas intermediárias) e um prêmio de montanha.

Programação

1ª Etapa – Sapiranga/Torres (199,9km)

  • 2ª Etapa – Torres/São Francisco de Paula (152km)
  • 3ª Etapa – São Francisco de Paula/Cambará/São Francisco de Paula (160km)
  • 4ª Etapa – São Francisco de Paula/Farroupilha (170km)
  • 5ª Etapa – Farroupilha/Caxias/Farroupilha (153,6km)
  • Total: 835,5km

Fonte: Confederação Brasileira de Ciclismo

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização