25 de fevereiro de 2024

Em crise, fabricante de amortecedores Marzocchi ameaça fechar suas portas

Legendário fabricante italiano, criador da consagrada linha de amortecedores Bomber, anunciou o fechamento de sua fábrica em Bolonha, Itália

Um dos fabricantes de amortecedores mais famosos do mundo, a Marzocchi, ameaça encerrar suas atividade por problemas financeiros. A marca, conhecida no mountain bike como a criadora da consagrada linha de amortecedores Bomber, anunciou o fechamento de sua fábrica situada na comuna de Zola Predosa, nos arredores de Bolonha, Itália.

Os sintomas da crise tiveram início em julho de 2013, quando a companhia demitiu 40 de seus funcionários e reduziu a carga horária dos restantes em 35%. A empresa, que desde 2008 pertence ao grupo norte-americano Tenneco, vem enfrentando dificuldades financeiras face à concorrência internacional.

Embora desde 2008 todos os amortecedores da marca sejam manufaturados em Taiwan, com o fechamento de sua sede, perde-se um importante centro de pesquisa e desenvolvimento de produtos, já que boa parte da tecnologia dos amortecedores para bicicletas da marca é oriunda dos desenvolvidos para motocicletas em Zola Predosa (a Marzocchi produz amortecedores para as marcas Moto Morini, Ducati, Gas Gas e Triumph, entre outras).

Outra consequência, ainda mais nefasta, é a imediata demissão dos mais de 100 funcionários da empresa, muitos deles filhos e netos de ex-trabalhadores da fábrica.

Embora até o presente momento a Tenneco não tenha se pronunciado sobre a possibilidade de fechamento total da Marzocchi, especula-se sobre a viabilidade de se manter uma empresa deficitária como parte de um grupo que arrecadou com as demais empresas, só no ano passado, 8,4 bilhões de dólares.

Atualmente, além da Marzocchi, a Tenneco é detentora de outras 10 marcas e emprega mais de 26 mil funcionários em todo o mundo.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização