25 de abril de 2024
Na ação, a promotora também pediu o fim das obras da ciclovia na Avenida Paulista, medida que foi negada pelo juíz da 5ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo - Foto: Paulo Pinto / Fotos Públicas

Ciclistas protestam contra decisão sobre ciclovias em São Paulo

Tribunal de Justiça de acatou o pedido de liminar do Ministério Público que obriga a paralisação das obras cicloviárias na cidade

Ciclistas de todas as regiões de São Paulo realizaram na noite desta quinta-feira (19) um protesto contra a decisão da Justiça, que determinou a suspensão das obras cicloviárias na capital.

O grupo se concentrou por volta das 19 horas na Praça do Ciclista, na Avenida Paulista. Em seguida, os ciclistas foram até a sede do Ministério Público, gritando palavras de ordem e exibindo cartazes contra a decisão. “Vai ter ciclovia”, gritavam os cerca de 300 manifestantes. Alguns motoristas chegaram a buzinar em apoio aos ativistas.

Decisão polêmica – O pedido de liminar, assinada pela promotora de Habitação e Urbanismo, Camila Mansour Magalhães da Silveira, pedia à Justiça a suspensão de todas as obras cicloviárias até que estudos técnicos que comprovem sua viabilidade sejam apresentados pelo município.

Na ação, a promotora também pediu o fim das obras da ciclovia na Avenida Paulista e a recomposição asfáltica na região, medida que foi negada pelo juíz da 5ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo.

Logo após tomarem conhecimento do pedido de liminar, cicloativistas concederam uma entrevista coletiva na sede do Ministério Público onde a promotora assinou a ação. Eles rechaçam argumentos usados pelo MP, segundo o qual a sociedade civil não teria sido consultada pela gestão do prefeito Fernando Haddad (PT) para a implementação das obras.

Segundo Daniel Guth, diretor da ONG Ciclocidade, a manifestação “é a favor da ciclovia”. “E também para repudiar a decisão judicial de interromper esse processo de mobilidade”, disse.

Em nota à Imprensa, a prefeitura classificou como “sensata” a decisão judicial que deferiu parcialmente o pedido de liminar do Ministério Público do Estado de São Paulo na ação civil pública que discute as ciclovias.

Além disso, a prefeitura informa que irá apresentar todos os dados e relatórios que se fazem necessários para esclarecer a questão.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização