23 de abril de 2024

Google: Ciclistas são os que mais contribuem com a plataforma Maps

De acordo com o Google, os ciclistas formam o grupo que mais contribui com a plataforma Maps. Segundo a empresa norte-americana, grande parte das sugestões de uso, adição de ruas e correções de erro relacionadas às informações dos mapas são realizadas por usuários de bicicletas.

Kai Hansen, coordenador da plataforma Google Maps na Europa,  explica que o fato deve-se a uma maior liberdade proporcionada pela bicicleta para cobrir (ou descobrir) rotas não transitáveis por outros veículos, assim como a possibilidade de se poder parar a qualquer momento e enviar uma mensagem via smartphone, reportando anomalias ou novos dados de forma quase instantânea.

Maps

“Em alguns países da Europa temos trabalhado diretamente com grupos e organizações ciclísticas que contribuíram diretamente com a adição de centenas de quilômetros de vias através do software Google Mapmaker”, disse Hansen.

Atualmente, a plataforma Google Maps tem apostado maciçamente em novos recursos específicos de roteamento de itinerários para ciclistas, adicionando aos milhões de quilômetros de rotas ciclísticas na América do Norte e, desde 2012, em vários países europeus.

Com o lançamento do aplicativo Google Maps 8.1, em 2014, é possível traçar rotas de bicicletas não apenas mais curta, como também através do caminho que possua menor desnível, facilitando assim, a locomoção.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização