23 de abril de 2024
Foto: Pedro Morais / Team Bravo

Brasileiros do Team Bravo estreiam na 24ª edição do Triathlon Internacional de Santos

Equipe recém-lançada fará primeira prova neste domingo (1º/3)  e os triatletas percorrerão as distâncias olímpicas: 1,5 km de natação, 40 km de ciclismo e 10 km de corrida

Na apresentação desta quinta-feira (26), em São Paulo, os amantes do triatlo conheceram de perto o primeiro time profissional brasileiro da modalidade, o Team Bravo. A nova equipe contará com três triatletas estrangeiros, Rachel Joyce (GBR), Tim Don (GBR) e Paul Matthews (AUS), além dos brasileiros Diogo Sclebin, Guilherme Manocchio, Fabio Carvalho e Thiago Vinhal. O primeiro desafio será logo neste domingo (1º/3) no Triathlon Internacional de Santos.

Entre os sete integrantes do Team Bravo, apenas o australiano Paul Matthews, em preparação para o Challenge Dubai, não estará em Santos. Três vezes campeão mundial do Ironman, Craig Alexander (AUS) reforça o time como técnico principal da equipe. Craig também competirá em Santos, mas não usará uniforme do Team Bravo. A largada será às 7h30 de domingo e os triatletas percorrerão as distâncias olímpicas: 1,5 km de natação, 40 km de ciclismo e 10 km de corrida por ruas e avenidas da baixada e trecho da Via Anchieta (até o trevo da Piaçaguera-Guarujá).

Mais experiente dos quatro brasileiros, Fabio Carvalho já disputou o Triathlon Internacional em dez oportunidades, com cinco vice-campeonatos no currículo. “A primeira prova do ano é aquela para tirar a ansiedade e servir como termômetro para se saber como está a preparação. Não é o foco do meu semestre, mas treinei bem e quero dar trabalho”, destaca Carvalho. “É um projeto com o qual sempre sonhei. Graças a iniciativa da Coca Cola conseguimos colocá-lo em prática. Estou feliz em fazer parte. Um marco no triatlo nacional”, completa o triatleta paulistano.

Tricampeão sul-americano e representante do País em Londres 2012, Diogo Sclebin monstra confiança para garantir a vaga nos Jogos Olímpicos Rio 2016. “O intercâmbio com alguns dos melhores triatletas do mundo é expressivo. Vamos crescer juntos a partir do momento em que conhecermos de perto o trabalho deles. Vai me ajudar na meta de garantir vaga para as Olimpíadas ainda neste ano. Tenho 1.300 pontos no ranking desde junho de 2014 e preciso chegar a 2.000. Farei 14 provas internacionais na temporada e espero até dezembro assegurar vaga nos Jogos do Rio”, revela o carioca.

Terceiro colocado no Ironman Fortaleza 2014, o mineiro Thiago Vinhal celebra a criação da equipe. “Está sendo uma semana especial. Imagino-me naquele final da prova, próximo a linha de chegada, como no Ironman de Fortaleza, que foi o melhor resultado da minha vida. Passa pela cabeça tudo que já fiz na carreira. Somos sete atletas que darão o máximo em todos dias de treino e de competição. Estamos aqui porque amamos o triatlo, amigos e família. O Team Bravo representa a bravura de atletas e patrocinadores que investiram na equipe”.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização