24 de abril de 2024

Ciclista nu recebe multa… por não utilizar capacete!

Fato aconteceu na cidade de Timaru, na Nova Zelândia, país onde o acessório é de uso obrigatório

Um ciclista que pedalava completamente nu pelas ruas da cidade portuária de Timaru, Nova Zelândia, foi multado pela polícia local por não estar utilizando capacete, acessório de segurança de uso obrigatório no país.

O policial que aplicou a multa, o sargento Randel Tikitiki, multou o ciclista ‘naturista’ por condução perigosa e o não uso do capacete, mas optou por não deter o ciclista, que aparentava estar levemente alcoolizado. Segundo a Agência de Transportes da Nova Zelândia, não existe limite legal para se pedalar sob o efeito do álcool, ao contrário do que ocorre com motoristas de automóveis.

Segundo o policial Tikitiki, o ciclista de 33 anos de idade, que não teve seu nome divulgado, não foi incriminado por atentado ao pudor porque “não havia muito o que pudesse ser visto” (sic).

Recorrência – Esta não é a primeira vez que um ciclista nu é assunto de notícias na Nova Zelândia. Em 2010, o ciclista Nick Lowe se livrou da prisão por comportamento ofensivo por pedalar nu pelas ruas de sua cidade. Durante seu julgamento, Lowe argumentou que andava pelado não por exibicionismo, mas devido ao seu estilo de vida naturista: “Não faço isto para ofender as pessoas. Simplesmente me sinto desconfortável usando roupas”. Ao absolver o ciclista, o juiz argumentou que Lowe foi detido por ocasião do World Naked Bike Day e que o mesmo estaria apenas sendo solidário ao evento.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização