24 de abril de 2024

Ladrões invadem sede da Orica-GreenEdge e levam 200 mil euros em equipamentos

A equipe australiana Orica-GreenEdge é a mais nova vítima de ladrões, em uma prática que tem se tornado frequente nos últimos anos na Europa. Na madrugada da última quinta-feira (28), ladrões invadiram a sede da equipe, localizada na cidade de Brunello, na província italiana de Varese e roubaram o equivalente a 200 mil euros em bicicletas, peças e acessórios de ciclismo.

Entre os produtos roubados incluem 45 quadros de bicicletas, rodas de diversos modelos, 70 grupos completos de transmissão, além do furgão da equipe que foi utilizado para a fuga, que posteriormente foi encontrado graças ao seu localizador GPS.

Os prejuízos foram muito além dos valores econômicos, já que grande parte do material roubado pertencia à seleção australiana de Ciclismo, cujos mecânicos estavam trabalhando no novo equipamento.

O recente roubo à equipe Orica-GreenEdge engrossa as estatísticas de um tipo de crime que tem aumentado consideravelmente na Europa nos últimos anos. Recentemente, várias equipes e seleções de Ciclismo foram vítimas de ladrões altamente especializados, como foi o caso da Lampre-Merida e da Cannondale.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização