22 de abril de 2024

Nixie, a minúscula câmera-drone que você carrega no pulso

Projeto conceitual de câmera-drone, que pode ser carregada no pulso como um bracelete, poderá se tornar o “fotógrafo particular” dos esportistas

Um mini drone que fica preso ao pulso do usuário até o momento de seu voo, capaz de fazer fotos e em seguida retornar como um bumerangue para o seu dono. Soa como algo vindo de um livro de ficção científica, não? No entanto, esta engenhosa invenção pode estar mais perto de tornar-se realidade do que você imagina.

Uma parceria entre cientistas da Universidade de Stanford, uma das mais conceituadas universidades dos Estados Unidos e a Google Inc., está em vias de finalizar o protótipo de um quadcóptero que quando não está em uso pode ser literalmente vestino como um bracelete.

Nixie

Denominado Nixie, este pequeno drone pode capturar imagens em HD, sincronizando-a enquanto seu usuário pratica seu esporte, como trilhas de mountain bike. “Os drones propiciam ângulos de filmagem impossíveis de serem capturados até algum tempo atrás, mas é praticamente impossível praticar outras atividades enquanto os pilota”, diz  Jelena Jovanovic, especialista em estratégia de operações do Google e gerente do projeto Nixie.

Finalista do projeto Make It Wearable (“Torne vestível”, em português), realizado pela Intel, o projeto permite revolucionar a forma com que você tira fotos, seja em momentos tranquilos ou durante as mais diversas aventuras.

Nixie

Graças ao seu avançado software, o Nixie é capaz de realizar uma série de operações pré-programadas. No modo “Bumerangue”, o drone se mantém a uma distância pré-determinada, realiza a filmagem ou foto e então retorna automaticamente para seu dono.

Já no modo “Panorama”, como o próprio nome diz, realiza tomadas de cena em 360 graus. No modo “Siga-me”, o Nixie persegue o usuário pelas trilhas.

O Nixie possui hastes flexíveis, que podem ser presas ao pulso ou mochila do usuário. Seu peso total não ultrapassa os 400 gramas.

Nixie

“Outros drones podem até prometer funcionalidades semelhantes, mas não com o mesmo nível de portabilidade e facilidade de uso”, diz Jovanovic.

De acordo com os desenvolvedores do projeto, por se tratar de uma produto conceitual, ainda há uma série de barreiras técnicas a serem superadas até que o Nixie possa ter seu protótipo operacional. Para quem quiser acompanhar os progressos do projeto, basta visitar o site oficial do Nixie.

 

 

 

 

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização