12 de abril de 2024
Pódio super elite - Foto: Thiago Lemos / Pedal.com.br

Frederico Mariano e Isabella Lacerda vencem a UCI Marathon Series em Congonhas

Frederico e Avancini durante a prova - Foto: Bruno Senna
Frederico e Avancini durante a prova – Foto: Bruno Senna

Ciclistas mineiros confirmaram bom momento, após conquistarem o título deste domingo e o campeonato brasileiro de 2014, no mês passado

Os mineiros Frederico Mariano, de Uberaba, e Isabella Lacerda, de Itaúna, conquistaram na tarde deste domingo (16), em Congonhas, o título da terceira etapa da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike, que reuniu 1.505 ciclistas. A prova, válida de forma inédita pelo circuito da UCI Marathon Series, foi a penúltima da temporada, que encerra-se em São Roque (SP), entre 10 e 12 de outubro. Ambos os atletas somaram 100 pontos no ranking internacional de Maratona, disputado em 26 etapas anuais. Na sub-23, Guilherme Muller foi o vencedor e assumiu a liderança na categoria.

Frederico Mariano aproxima-se da linha de chegada
Frederico Mariano aproxima-se da linha de chegada

Na super elite, Frederico Mariano confirmou a boa fase após sagrar-se campeão brasileiro em sua primeira temporada na elite. O ciclista uberabense revezou na liderança com o companheiro de equipe, Henrique Avancini, em boa parte da prova, para no fim forçar o ritmo e levar o título da etapa brasileira da Marathon Series para casa. Completaram o pódio Henrique Avancini, Halysson Ferreira, Lukas Kaufmann e João Paulo Firmino, respectivamente.

“Foi uma prova muito boa. Junto com o Henrique ditamos um ritmo de moderado para forte no começo e já na primeira subida abrimos uma vantagem dos demais. Revezamos até o final, quando ele sentiu um pouco de cansaço pelo excesso de competições, porque veio de duas etapas da UCI World Cup. Consegui manter o ritmo enquanto ele deu uma diminuída. A equipe tem uma atmosfera muito boa e conversamos sempre. Quando me avisou que não estava bem para manter o ritmo, acelerei e conquistei a vitória”, comemorou.

“Foi minha segunda vitória aqui. Em 2012 venci a super elite quando ainda era sub-23. Quando passa a linha de chegada o atleta sente-se feliz, aliviado e com a sensação de dever cumprido. Foi desta forma que estava me sentindo nos metros finais. Mesmo no limite do cansaço você tira força lá de dentro do baú, para conseguir chegar e completar. Por isso estou muito feliz. É uma sensação bem bacana”, completou Frederico.

Pódio super elite - Foto: Thiago Lemos / Pedal.com.br
Pódio super elite – Foto: Thiago Lemos / Pedal.com.br

Vice-campeão em Congonhas, Henrique Avancini conseguiu aumentar sua distância para Ricardo Pscheidt, segundo no geral, que na sexta (15) venceu o Desafio da Ladeira e se aproximou de Avancini. “Já sabia que tanto o Pscheidt quando o Rubinho também estavam desgastados pela sequência de provas internacionais. Por isso resolvi me poupar no Desafio da Ladeira, jogando de forma estratégica na disputa pelo campeonato. Em São Roque vou estar quatro semanas sem competir, então vou com tudo para buscar o bicampeonato”, avaliou. Agora, Henrique soma 190 pontos, enquanto Pscheidt tem 145, faltando 65 pontos em disputa na decisão.

Isabella Lacerda comemora vitória
Isabella Lacerda comemora vitória

Isabella muito perto do bicampeonato – No feminino, Isabella Lacerda deu um grande salto para conquistar o bicampeonato da CIMTB Levorin. Após vencer o Desafio da Ladeira, a mineira levou também a Maratona. “Deu tudo certo. Estou muito feliz com mais uma vitória em Congonhas, a terceira seguida desde 2012. Agora vou para a quarta etapa, em São Roque (SP), para defender meu título e conquistar o bicampeonato desta que é a principal competição do Mountain Bike nacional”, vibrou Isabella, que agora tem 186 pontos contra 131 de Erika Gramiscelli.

“Sofri muito com câimbra durante a prova. A partir dos 40 minutos, cada vez que tinha uma subida era muito sofrido para mim, porque a câimba atrapalha e não te deixa imprimir um ritmo constante. A última subida, a mesma do Desafio da Ladeira, foi na raça. Achei que não conseguiria chegar. O fim foi totalmente psicológico. Se eu tivesse escutado meu corpo, não teria terminado porque estava muito difícil”, concluiu a ciclista, que foi homenageada por sua patrocinadora, Shimano, pelo inédito título brasileiro. Completaram o pódio da elite feminina Sofia Isabel Subtil, Tânia Clair Negherbon, Roberta Stopa e Liege Silva Walter.

Concurso de Redação e Desenho – Ainda na tarde deste domingo foram premiados os campeões do Concurso Redação e Desenho da CIMTB Levorin. Na categoria Desenho, participaram os alunos do 4º ano das escolas de Congonhas, e o vencedor foi Mikael Herlitz de Paula, da Escola Municipal Amynthas Jacques de Moraes. Na Redação, Victor Daniel Rezende, da Escola Municipal Nossa Senhora da Ajuda, levou para casa uma bike, assim como Mikael, no concurso que contou com participação dos alunos do 5º ano.

Os resultados completos de todas as 27 categorias disputadas em Congonhas, entre CIMTB Levorin e Copa LM Bike de Amadores, estarão disponíveis em breve no site oficial da competição.

Classificações finais

Super elite

  1. Frederico Mariano (Caloi Elite Team) – 2h21min36seg
  2. Henrique Avancini (Caloi Elite Team) – 2h22min38seg
  3. Halysson Ferreira (Velo SME Rio Claro) – 2h24min40seg
  4. Lukas Kaufmann (Focus) – 2h24min43seg
  5. João Paulo Firmino (Scott/Pedal PRÓ) – 2h24min53seg
  6. Sherman Trezza Paiva (Caloi Elite Team) – 2h28min40seg
  7. Guilherme Muller (LM/Shimano) – 2h28min52seg
  8. Ricardo Pscheidt (Trek/Shimano) – 2h28min57.471
  9. Edivando de Souza Cruz (Astro/VZan) – 2h29min41seg
  10. Daniel Grossi (Groove Bicicletas) – 2h30min18seg

Elite feminino

  1. Isabella Lacerda (LM/Shimano) – 02h32min46seg
  2. Sofia Subtil (BMC Racing Team Brazil) – 2h35min46seg
  3. Tânia Clair Negherbon (Assiclo/AABB Timbó) – 2h35min50seg
  4. Roberta Stopa (Damatta) – 2h42min32seg
  5. Liege Silva Walter – 2h49min44seg
  6. Letícia Jaqueline Cândido (Focus) – 2h51min33seg
  7. Laura Mira Dias (Trilhas Gerais) – 1h51min44seg
  8. Amanda Vieira (Biken’Fix) – 3h01min48seg
  9. Luana Machado (UPF) – 3:02:38.097
  10. Marcia Helena Matos (Granola Premiu) – 3h07min37seg
error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização