25 de abril de 2024

All mountain: Scott apresenta sua bike para encarar todo tipo de terreno

scott_capa

Como opção aos ciclistas, a marca traz 11 modelos diferentes da Genius, eficiente tsanto em subidas quanto descidas

Há alguns anos o brasileiro que quisesse encarar trilhas com diferentes tipos de terreno, subidas duras e descidas agressivas não teria opção: precisaria apelar para uma adaptação. Ou usaria uma bike de cross country, ótima na subida, ou uma bike de downhill, muito melhor na descida e pesada na hora de subir. Hoje, com a disseminação cada vez maior do All Mountain, a realidade é bem diferente e o ciclista tem acesso a bikes desenvolvidas especificamente para este tipo de pedalada.

Há cerca de dois anos, competições aparecem em todo o mundo em terrenos que exigem um pedal mais diversificado: são as provas de Enduro. Por isso, as nomenclaturas All Mountain, Enduro e Trail ainda se confundem. Mas seja qual for o nome, o que importa é o prazer por pedalar em trilhas com grande variedade de terrenos – em um tipo de modalidade que é uma mistura perfeita entre o downhill e o cross country.

“Quem vai pedalar em um terreno com estas características precisa de um equipamento que o atenda muito bem. No caso do all mountain, isso significa uma bike preparada para qualquer lugar, para qualquer trilha, que tenha os componentes necessários para isso”, explica Raphael Caliendo, gerente comercial da distribuidora da marca Scott no Brasil.

Para o público nacional, a linha Genius 700 aro 27,5”da marca suíça apresenta essas características: suspensão com curso de 150 mm, pneus mais largos, freios robustos e uma combinação de peças que torna a bicicleta leve o suficiente para encarar bem as subidas.

Genius 700 Tuned

No Brasil estão disponíveis quatro modelos da linha Genius. Seu grande diferencial é a tecnologia de amortecimento Nude, exclusiva da Scott, fruto de uma parceria com a fabricante de amortecedores Fox. Patenteado, trata-se de um amortecedor traseiro que traz o máximo de performance possível em todas as situações de trilha, aliada a um baixíssimo peso.

Através de seu controle Twinloc, o Nude traz benefícios que só esse sistema oferece: uma combinação perfeita com três estágios de configuração.

“É como se a Genius fosse três bikes em um único modelo, tudo a um toque dos dedos do ciclista. É isso que torna as Genius perfeita para esse tipo de pedal”, complementa Raphael.

Além de serem equipadas com componentes diferenciados, a principal diferença entre os quatro modelos é o quadro. Os modelos Genius 720 e Genius 710 possuem quadro em fibra de carbono HMF, enquanto os modelos Genius 740 e Genius 730 têm o quadro construído em liga de alumínio 6061.

Futuro – Com o crescimento constante dos praticantes de All Mountain e também com a ampliação do número de competições de Enduro no Brasil, a Scott promete trazer novidades ao país nos próximos meses. Em 2015, devem desembarcar para que os modelos Genius LT 720 e 710. LT significa long travel (longo curso), já que elas possuem 170mm.

“Essas duas bikes foram desenvolvidas especialmente para competições. É a bike ideal para quem participa de provas e quer uma performance cada vez melhor”, complementa Raphael.

Veja também:

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização