24 de abril de 2024

Raiza Goulão volta ao Canadá onde conquistou resultado histórico para o MTB brasileiro

Etapa de Mont-Sainte-Anne da UCI World Cup será realizada neste fim de semana em Quebec. Em 2013, ciclista Soul Riders foi sexta colocada na Sub-23

Raiza Goulão posa na largada em Mont-Sainte-Anne
Raiza Goulão posa na largada em Mont-Sainte-Anne

A ciclista goiana Raiza Goulão, de 23 anos, reviverá neste fim de semana um momento especial em sua curta carreira. A atleta número um do Brasil no ranking mundial (atualmente na 37ª posição) está em Mont-Sainte-Anne, em Quebec (Canadá), onde será realizada a quinta etapa da Copa do Mundo de MTB na temporada, com final do Cross Country Olímpico (XCO) no domingo (3), ao meio-dia. Em 2013, a atleta da equipe Soul Riders estava em seu último ano de Sub-23 e trouxe para o Brasil o sexto lugar na prova, feito inédito para os atletas do País nesta competição.

Raiza desembarcou no Canadá na última quarta-feira (30) e no dia seguinte já fez o primeiro treino na pista. “Esses dias choveu aqui em Mont-Sainte-Anne e a pista ficou escorregadia, e isso é algo que preocupa para a corrida no domingo. Quando chove o percurso fica muito técnico, porque tem muitas raízes e descidas com pedras, o que dificulta muito. É minha terceira participação aqui em Quebec e mudaram o sentido da pista, ficou muito mais técnica, com muita subida e exigindo mais ciclista”, conta Raiza que além do sexto em 2013, foi 15ª em duas temporadas antes, aos 20 anos de idade.

Raiza em frente ao hotel onde está a seleção brasileiraMesmo com o resultado histórico de 2013, Raiza sabe que o desafio será outro. Agora na Elite, a responsabilidade é maior. “Dessa vez a experiência será diferente do ano passado. Fui sexta na Sub-23, e agora será na Elite, que é bem mais difícil. O grande objetivo é completar a prova, não sendo cortada e conseguir uma posição que me dê importantes pontos no ranking mundial”, destaca.

“Venho me preparando pra essa prova há algum tempo. Meu foco é andar bem aqui e ganhar experiência. Serão provavelmente 60 ciclistas em uma pista dura e técnica. Tenho que errar o menos possível, me concentrar na prova e esquecer dos outros concorrentes. Botar em prática o trabalho que venho fazendo com o Cadu Polazzo e minha equipe Soul Riders”, completa.

A atleta da marca brasileira Soul terá ao seu lado a fiel companheira, a bike Soul SL 929 Carbono, equipada com o grupo Shimano XTR, topo de linha para a prática de Mountain Bike. “Minha bike Soul está muito boa. Estou testando um novo quadro de aro 29′ com geometria diferenciada. Estamos conversando muito para chegar no quadro perfeito. A Soul está crescendo no mercado e inovando muito, porque eles estão abertos a novas opiniões”, enaltece Raiza.

Após a etapa de Mont-Sainte-Anne em Quebec neste domingo (3), com largada da Elite feminina ao meio-dia (Horário de Brasília), os ciclistas da seleção brasileira embarcam para os Estados Unidos. No domingo (10) será realizada a etapa norte-americanada da Copa do Mundo da UCI, em Windham. As duas competições terão transmissão ao vivo pelo portal Red Bull Bike.

Com sete etapas anuais da Copa do Mundo, a temporada de 2014 encerra-se no fim de agosto, com a prova de Meribel, na França. No mês seguinte, Hafjell – Lillehammer, Noruega, recebe a última prova internacional do ano, o Campeonato Mundial de Mountain Bike.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização