12 de junho de 2024
Foto: Ronaldo Martins Alves

Distrito Federal ganhará mais 10 estações de compartilhamento Bike Brasília

Até o fim do mês, cidade deverá contr com mais 100 bicicletas para compartilhamento

Foto:  Ronaldo Martins Alves
Foto: Ronaldo Martins Alves

O Projeto Bike Brasília caiu no gosto dos moradores da cidade. Em apenas 15 dias, cerca de 13 mil pessoas já se cadastraram e estão utilizando o sistema de bicicletas compartilhadas. Diante do sucesso da iniciativa, serão inauguradas mais 10 estações ainda este mês. Serão mais 100 bicicletas, que se somarão às 100 bikes já disponíveis.

As novas estações serão implantadas nos seguintes locais: Rodoviária (que já tem uma estação e vai ganhar mais duas); Centro Comercial Brasil 21; Setor Bancário Sul; Setor de Abastecimento Sul (SAS); Setor Comercial Sul (duas estações); Setor de Rádio e TV Sul e Setor Comercial Norte (também com duas estações). A cada 20 dias, 10 novas estações serão implantadas. O projeto preveê a instalação de 40 estações – totalizando 400 bikes – na região central de Brasília.

Bike Brasília – No dia 28 de maio, o GDF inaugurou as 10 primeiras estações do Bike Brasília. As 100 bicicletas estão disponíveis nos seguintes locais: Memorial JK; Praça do Buriti; Centro de Convenções/Estádio Nacional Mané Garrincha; Rodoviária; Torre de TV; Setor Hoteleiro Norte; Setor Hoteleiro Sul; Catedral e Esplanada dos Ministérios (que conta com duas estações).

Para a moradora de Taguatinga, Rita de Cássia, as bicicletas compartilhadas funcionam para o lazer, mas principalmente para o deslocamento para o trabalho. “Sou servidora do Ministério da Cultura e a estação está bem próxima ao meu local de trabalho. Eu vou de metrô até a Rodoviária, retiro uma bicicleta na estação de lá e venho pedalando até o trabalho. Chego bem rápido e não fico engarrafada”, contou.

Como funciona – Para realizar o cadastramento é muitos simples. Os turistas também podem utilizar o serviço. Basta acessar o site do Bike Brasília e habilitar o passe. Será cobrada uma taxa anual de R$ 10. A bicicleta pode ser usada gratuitamente por uma hora.

Para que a gratuidade seja assegurada por mais de uma vez em um mesmo dia, deverá ser respeitado um intervalo mínimo de 15 minutos para a retirada da bicicleta pelo mesmo usuário. Para continuar utilizando a bicicleta, sem fazer a pausa, serão cobrados R$ 5 por cada hora excedente. As bicicletas estão à disposição dos usuários todos os dias da semana, das 6h às 0h.

Veja também:

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização