12 de junho de 2024

Marca de componentes para bikes Race Face adquire a Easton Cycling

De acordo com o novo proprietário, as duas marcas permanecerão separadas e com identidade próprias

Uma das marcas mais tradicionais nos circuitos de mountain bike freeride e downhill, a canadense Race Face, anunciou esta semana a aquisição de outra não menos conhecida marca de peças e acessórios para ciclismo, a Easton Cycling, fabricante das famosas rodas de carbono EC90. A notícia foi anunciada ontem pelo presidente da Race Face, Chris Tutton.

A parceria entre as duas empresas não é totalmente surpreendente. Tutton era representante de vendas OEM da Easton em 2011, quando adquiriu a Race Face e a salvou de uma iminente falência. Neste período, Tutton permaneceu na Easton enquanto recuperava a Race Face.

Mesmo com a aquisição, as duas empresas não serão fundidas, permanecendo separadas. A Race Face é uma empresa baseada em Vancouver, Canadá, enquanto a sede da Easton permanecerá em Scotts Valley, Califórnia. Eventualmente parcerias de serviços e vendas serão implementadas com o intuito de beneficiar ambas as marcas.

Sob a supervisão de Tutton, a Easton Cycling irá investir em um centro de pesquisas e desenvolvimento na Califórnia, que abrigará a equipe de engenheiros responsáveis pela criação de novos modelos de rodas.

Além de sua linha de componentes produzidos em liga de alumínio, a Easton Cycling investiu maciçamente na tecnologia da fibra de carbono para produzir guidões, canotes de selim, pedivelas e aros de rodas para bicicletas mountain bike e estrada em suas fábricas no México e na Ásia.

Já a Race Face produz peças e componentes em alumínio e composites exclusivamente para o mercado de mountain bike, através de empresas terceirizadas na Ásia e em sua própria fábrica no Canadá.

Veja também:

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização