22 de junho de 2024

Pancadas nos genitais internam mais ciclistas que atropelamentos

Estudo realizado pela Universidade da Califórnia conclui que machucados provocados pelo choque entre o tubo superior do quadro da bike na região genital levam mais ciclistas aos hospitais do que atropelamentos

A maior parte das lesões é causada pelo impacto do tupo superior com os órgãos genitais
A maior parte das lesões é causada pelo impacto do tupo superior com os órgãos genitais

De acordo com estudo realizado pela Universidade da Califórnia, cerca de 4 mil pessoas foram atendidas em hospitais dos Estados Unidos entre 2002 e 2012, com problemas nos genitais ou no aparelho urinário devido a trauma na região, causado por acidentes com bicicletas.

O estudo conclui ainda que crianças e adolescentes, especialmente os meninos, ultrapassam os adultos nos registros na proporção de 10 para 1.

Cerca de 70 por cento dos ferimentos foram resultados de “contato direto com a bicicleta”, o que geralmente significa uma pancada do quadro da bike na região e não pela queda em si. De acordo com o doutor Benjamin Breyer, co-autor do estudo “Ficamos bastante surpresos ao descobrir tantos casos relacionados ao ciclismo”. Segundo o estudo, a utilização de quadros de tamanho acima do recomendado pode ser o motivo pelo qual os jovens são as maiores vítimas.

Área de risco – No início deste ano, um ciclista irlandês com 22 anos teve uma ereção durante 7 semanas seguidas, quando sua região perineal foi violentamente atingida pelo tubo superior da bicicleta. A forte pancada criou um inchaço devido a um hematoma, estrangulando os vasos sanguíneos da região e causando uma ereção involuntária permanente e bastante dolorosa conhecida como priapismo.

Veja também:

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização