16 de junho de 2024

Kia apresenta suas e-bikes no Salão de Genebra

Marca automotiva coreana volta às suas origens ao lançar dois modelos de bicicletas pedelecs

KiaUm dos maiores fabricantes de automóveis do Sudeste Asiático, a Kia, seguindo o exemplo de outras grandes marcas do setor, apresentou durante o Salão de Genebra dois modelos de bicicletas elétricas (e-bikes) que levam sua marca.

Batizados de KEB – Kia Electric Bicycle, os modelos, ainda na fase de protótipos, utilizam tração elétrica assistida (Pedelecs), com um modelo para uso urbano e outro para a prática do mountain bike. As bikes foram criadas no pelo centro de pesquisas e desenvolvimento da marca em Namyang, Coréia e utilizam um quadro em alumínio hidroformado que utiliza um processo de soldagem exclusivo da marca, nas qual as duas metades do quadro são pressionadas uma contra a outra e soldadas em um processo robótico automatizado.

KiaDe acordo com a Kia, o processo possui várias vantagens sobre a soldagem convencional dos quadros, entre elas a menor complexidade e o menor custo final. Ambos os modelos utilizam o mesmo motor, localizado no cubo traseiro e com 250 watts de potência, alimentados por uma bateria de lítio-íon de 36 volts e 10 amperes que pode ser removida para recarga.

O peso de cada modelo é de 20 kg e possuem uma velocidade máxima limitada de 25 km/h, além de uma autonomia de cerca de 40 km. As bicicletas utilizam freios e grupo transmissor da japonesa Shimano.

Fabricante de bikes – Apesar de parecer estar apenas seguindo o atual “modismo” no qual grandes fabricantes automotivos passam a lançar bicicletas elétricas, a marca coreana Kia começou suas atividades como um fabricante de bicicletas em 1944. De lá para cá, transformou-se de um dos maiores fabricantes de bicicletas do Sudeste Asiático em um dos maiores produtores de automóveis do mundo.

Veja também:

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização