25 de maio de 2024

Empresa cria tecido que protege contra raladas decorrente de tombos

RaladaA empresa têxtil Schoeller Textiles anunciou que desenvolveu uma nova tecnologia que incorpora micro partículas cerâmicas em tecidos utilizados em bermudas e camisas de ciclismo, capaz de proteger o ciclista dos arranhões e raladas causadas por tombos.

A empresa suíça alega que a nova tecnologia, denominada ITD ProTec aumenta significativamente a resistência à abrasão em relação aos tecidos utilizados atualmente, sem perder as características de elasticidade e respirabilidade.

De acordo com o gerente da Schoeller Textiles, Stefano Tonizzo, uma grande marca de vestuário para ciclismo – que ele prefere não divulgar -, já está em fase de testes com o novo material que, caso aprovado, entrará em sua coleção.

O tecido desenvolvido pela Schoeller utiliza micro partículas cerâmicas resistentes à abrasão
O tecido desenvolvido pela Schoeller utiliza micro partículas cerâmicas resistentes à abrasão

O desenvolvimento de tecidos de uso esportivo resistentes à abrasão poderá ser um grande passo na evolução do vestuário ciclístico, principalmente no ciclismo de estrada, já que os materiais utilizados atualmente oferecem pouca proteção no caso de tombos no asfalto, causadores de dolorosos arranhões que por vezes deixam a pele do ciclista em carne viva.

“Este novo tecido será muito útil no que diz respeito a segurança do ciclista, pois uma vez aplicado em determinadas áreas do vestuário, irá ajudar a prevenir machucados decorrentes do contato com o solo”, diz Tonizzo.

De acordo com os desenvolvedores dessa nova tecnologia têxtil, ainda não há data para o produto chegar ao mercado.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização