25 de abril de 2024

Campeã olímpica explica porque permanece fiel às rodas 26″

Pendrel-olympic-test-mtb_03Não há a menor dúvida. As bicicletas 29ers são presença dominante nos circuitos de XC e maratona, seguidos de perto pelos adeptos do formato 650B (aros 27,5 polegadas). Cada dia que se passa fica mais difícil encontrar um competidor ou competidora montado(a) em uma bicicleta aro 26 polegadas. Difícil, mas não impossível, como é o caso da campeã olímpica Catherine Pendrel, um dos maiores nomes do ciclismo mundial em XC.

Por que a canadense da equipe Luna ainda se mantém fiel aos aros 26″? A própria Pendrel nos explica: “Sou uma das últimas ciclistas profissionais a competir com rodas de 26 polegadas. Minha bicicleta é uma Orbea Oiz, que é uma bicicleta fantástica criada pela Orbea no ano passado. Ela encanta porque é uma bike extremamente manejável. Todos os benefícios que minhas concorrentes atribuem às 29er, como por exemplo a confiabilidade nas descidas e a tração extra nas subidas, são também oferecidas pela minha Orbea Oiz, com a vantagem de eu poder pedalar em uma bicicleta que corresponda a minha estatura. Para mim, o mais importante é ter uma bicicleta que se adapte as minhas condições da melhor maneira possível. E é isto o que a minha bike faz muito bem”.

“O quadro me proporciona rigidez e boa aceleração. Além disso, tenho total confiança na Shimano e na Fox para montar uma bicicleta que para mim é completamente confiável em qualquer competição ou circunstância. A suspensão traseira me dá a confiança extra que preciso nas descidas“, disse Pendrel.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização