23 de junho de 2024

Daniel Martin vence nona etapa do Tour de France

782937

O irlandês da Garmin-Sharp disputou a nona etapa do Tour com Jakob Fuglsang e levou a melhor. Rui Costa subiu ao top10

Na véspera do primeiro dia de descanso do Tour, a edição de 2013 conheceu um novo vencedor de etapa. Desta vez foi Daniel Martin (Garmin-Sharp) a impor-se, no segundo dia nos Pireneus.

O irlandês coroou com um triunfo o grande trabalho desenvolvido pela equipe norte-americana durante uma etapa com quatro contagens de montanha de primeira categoria. E mostrou também grande frieza e calculismo no decurso da fuga que empreendeu em conjunto com Jakob Fuglsang (Astana).

Foi esta dupla que se isolou e se separou de um primeiro grupo de perseguidores que incluía Rui Costa (Movistar), que tem confirmado neste Tour todo o seu potencial. No final, pouco antes da última curva, Martin partiu de trás de Fuglsang para finalizar a etapa.

Foi o 11.º irlandês a ganhar uma etapa na Tour de France, a primeira do currículo de Daniel Martin. Ele que, em 2008, terminou em 10.º lugar a Volta a Portugal e que, já este ano, conta com uma vitória na Volta à Catalunha e outra na clássica Liège-Bastogne-Liège.

O terceiro lugar da etapa ficou nas mãos do polonês Michal Kwiatkowski (Omega Pharma Quick Step), enquanto o camisa amarela, Chris Froome (Sky), chegou na 14.ª posição, uma atrás de Alberto Contador (Saxo-Tinkoff), ambos a 20 segundos do vencedor.

Froome teve um dia complicado, uma vez que os companheiros da Sky estiveram muito longe da prestação da véspera e o deixaram praticamente isolado. O britânico conseguiu, ainda assim, resistir e manter-se junto dos principais opositores, especialmente Contador.

Rui Costa acabaria por cortar a meta na 20.ª posição, também a 20s de Martin, o que lhe valeu a subida ao top10, ocupando agora, precisamente, o 10.º posto da geral individual.

Fonte: Desporto P

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização