25 de abril de 2024

Novo “papamóvel” será movido a pedaladas e eletricidade

À prova de balas, o veículo oficial do pontífice também terá um sistema independente de oxigênio e holofotes de baixa tensão em seu interior

PapamóvelEm março de 2013, o mundo acompanhou a mudança no maior posto da igreja católica. O Papa Francisco sucedeu Bento XVI e se tornou o novo chefe de estado do Vaticano. O argentino foi escolhido com a missão de adaptar a instituição aos novos tempos. Se irá conseguir ou não, não é possível saber, principalmente com relação a assuntos polêmicos, mas uma adaptação em breve será feita.

O “papamóvel” vai ganhar uma versão nova e sustentável. Antes movido a motor, agora o transporte oficial do papa usará a força humana das pedaladas para sua locomoção. O novo modelo consiste em uma espécie de triciclo acoplado à cabine do papa, como demonstra a imagem ilustrativa acima.

Sua cabine continua sendo à prova de balas, no entanto, possui um ar condicionado alimentado por painéis solares no teto. Também há dois refletores na parte fronteira, para iluminar o caminho, e mais duas lâmpadas internas. Com a força das pedaladas, o papamóvel pode chegar até 9 km/h, mas caso seja necessária uma velocidade maior devido a alguma emergência, o veículo possui um motor elétrico com que pode alcançar 60 km/h.

O criador desse novo papamóvel é o designer britânico Yannick Read. O projeto foi elaborado em conjunto com a Environmental Transport Association (ETA), uma organização de automobilismo sustentável. A ETA e Read levaram a ideia adiante quando o Papa Bento XVI, antecessor de Francisco, manifestou seu desejo de andar em um carro elétrico.

Com previsão para ser entregue no segundo semestre de 2013, o novo papamóvel tem um custo de aproximadamente R$ 530 mil. Ele será silencioso e não contribuirá diretamente para a emissão de poluentes.

Fonte: eCycle

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização