21 de Janeiro de 2018
Inicial | Notícias | Ciclismo | Ciclistas iniciam Jogos Escolares da Juventude com prova contra-relógio individual
Marcella Pereira - Foto: Alexandre Loureiro / Inovafoto / COB

Ciclistas iniciam Jogos Escolares da Juventude com prova contra-relógio individual

Atletas de São Paulo e Rio Grande do Sul conquistaram as primeiras medalhas de ouro. Provas por Pontos acontecem neste sábado

As primeiras provas do ciclismo dos Jogos Escolares da Juventude – Etapa 12 a 14 anos – foram realizadas nesta sexta (5). Os alunos-atletas do ciclismo disputaram a prova de contra-relógio individual com um percurso de 500 metros. As primeiras medalhas de ouro foram conquistadas pelos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul. Os Jogos acontecem entre os dias 4 e 13 de setembro no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina, no Paraná.

A ciclista paulista Marcela Pereira, do Colégio Senior, fez o melhor tempo no feminino e garantiu a medalha de ouro com 39s381. Kamila Martins, de Mato Grosso, que representa o Colégio CME Silvio Partenez, terminou em segundo lugar, seguida pela paranaense Ana Alve, do CE Souza Naves, que conquistou a prata.

Entre os atletas do masculino, a medalha de ouro ficou com o gaucho Mateus Scatola, do Colégio Farrapos, que marcou 33s435. O estado do Paraná completou o pódio demonstrando muito potencial através dos atletas Vinicius Gussolli (CE Dr. Arnaldo Bussatto) e Francisco Silva (CE Dom Geraldo), respectivamente.

“Eu já venho realizando uma preparação especifica para essa prova de 500 metros a dois anos, então larguei muito consciente e confiante que poderia conseguir conquistar essa medalha de ouro. Quero também aproveitar para agradecer o meu pai e treinador Luiz Fernando Scatola por toda a preparação que foi realizada. Dedico essa vitória para meu pai e toda a minha família que sempre esta na torcida”, declarou o jovem campeão Mateus.

Os ciclistas se preparam agora para disputar a Prova por Pontos, que simula uma disputa tradicional realizada no Ciclismo de Pista e que a alguns anos faz parte do cronograma do ciclismo nos Jogos Escolares. Nesta prova os atletas somam pontos a cada volta e vence aquele que conseguir acumular a maior quantidade de pontos no geral. A concentração acontece as 08h e largada às 09h.

Jogos Escolares – Organizados pelo Comitê Olímpico do Brasil, os Jogos Escolares da Juventude são o maior celeiro de atletas do Brasil, reunindo jovens de todos os estados brasileiros na disputa de 13 modalidades esportivas, além de várias atividades culturais e educativas. Aproximadamente 4.660 pessoas estão envolvidas com o evento, entre atletas, técnicos e dirigentes dos 26 estados brasileiros, mais o Distrito Federal e uma delegação de Londrina. Este é o novo recorde de participação do evento, com 1.351 escolas inscritas.

Em Londrina serão disputadas competições de atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei. Além das competições, os jovens atletas terão a sua disposição uma ampla gama de eventos paralelos às competições. O programa sócio-educativo e cultural abrange diversas atividades extras com o intuito de aproximar os jovens de todo o país aos Valores Olímpicos e ao exemplo positivo da prática esportiva.

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil, corealizados pelo Ministério do Esporte e Organizações Globo, com apoio da Prefeitura de Londrina e patrocínio máster da Coca-Cola. A supervisão técnica do ciclismo é da Confederação Brasileira de Ciclismo.

Classificação

Categoria Feminino

  1. Marcella Pereira – Colégio Sênior (SP) Tempo: 39s381
  2. Kamyla Martins – CME Silvio Paternez (MT) Tempo: 39s913
  3. Ana Alves – CE Souza Naves (PR) Tempo: 39s944

Categoria Masculino

  1. Mateus Scatola – EE Farrapos (RS) Tempo: 33s435
  2. Vinícius Gussolli – CE Dr. Arnaldo Busatto (PR) Tempo: 34s220
  3. Francisco Neto – CE Dom Geraldo (PR) Tempo: 34s519

Fonte: Confederação Brasileira de Ciclismo

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização